terça-feira, 14 de fevereiro de 2017

Deixa-me cheirar teu bacalhau!



Cristas  entusiasmadíssima no concerto de Tony Carreira

A conferência de imprensa de Centeno confirmou aquilo que já todos sabíamos: o ministro das finanças é um zero absoluto em termos de comunicação. E depois?

Bem, depois é melhor avisar Cristas, Coelho e restantes animais de estimação, que os portugueses preferem um ministro das finanças que resolva os problemas do país, a uma oxigenada que fala, fala e só conseguiu afundar Portugal mais do que já estava no tempo de Gaspar. 
Portanto meus queridos líderes oposicionistas, percebam de uma vez por todas que Portugal não é uma latrina, pelo que devem despejar os vossos vómitos de ódio a Centeno e à geringonça nas sedes dos vossos partidos.
Compreendo que deve ser muito chato andar 5 anos a dizer que não havia alternativa e Portugal só poderia crescer se roubassem os rendimentos de trabalhadores e pensionistas e vir um ministro que ninguém conhecia de lado nenhum, demonstrar que afinal é possível crescer sem roubar quem trabalha. MAIS! Não só havia alternativa, como a OCDE e a Comissão Europeia vieram reconhecer o bom trabalho deste governo e dar a mão à palmatória.
Tudo isso dói à oposição mas, o que mais dói, é a CGD não ter ido para as mãos de privados. Isso é que Cristas, Passos e acólitos não perdoam a Centeno e António Costa.
Vai daí Coelho fez-se à estrada e passou o fim de semana a apregoar ao país que nunca viu um ministro que errasse tanto como Centeno
Se tivesse um mínimo de vergonha, pudor e dignidade,depois de ouvir, hoje, os elogios de Moscovici ao governo e o consequente reconhecimento de que a política seguida por Portugal tinha dado bons resultados e superado todas as expectativas, Passos Coelho remeter-se-ia ao silêncio.
Só que Passos é um papagaio vaidoso por isso, amanhã já andará outra vez na estrada a dizer aquelas frases que habitam o seu mundo esquizofrénico e ele repete como se fossem verdades inabaláveis. 
É uma benção para a geringonça ter um líder da oposição como Passos, mas também faz muito jeito que a líder do CDS não se canse de nos fazer lembrar a primeira medida que anunciou ao país quando foi empossada ministra da agricultura: rezar a Nossa Senhora para que chova. Depois, foi dançar ao concerto do Tony Carreira.
Ainda não perdi a esperança de ver Cristas num concerto de Quim Barreiros a cantar "Deixa-me cheirar teu bacalhau" 

3 comentários:

  1. Digamos que até concordo - parcialmente - com o que diz. Não sou fã de Toni Carreira. Mas conheço muita gente de boa reputação que é. E não creio que seja idêntico a ser fã de Quim Barreiros.
    Quanto a Centeno não ter verve, no problem, tem mesmo é de entender de finanças e isso parece ser verdade. Também me parece que reconhecer os erros não é assim tão péssimo em quem trabalha de facto e faz coisas válidas e não tem natureza divina. Talvez propiciasse a mudança de assunto. Sem retirar carácter ao governo.

    ResponderEliminar
  2. Cristas, Coelho, Carreira (o Tony) ... ui que cheiro nauseabundo.
    Chamemos o Quim Barreiros que apesar do bacalhau sempre vai fazendo a malta rir.

    ResponderEliminar
  3. Este episódio já cheira bem pior que o bacalhau.
    Mentiu, não mentiu... who cares??!!

    ResponderEliminar