terça-feira, 25 de outubro de 2016

Caramelos Vaquinha (14)

Normalmente, só autores de frases idiotas entram para a prestigiadíssima série Caramelos Vaquinha.
Abro uma excepção para esta trafulha, porque é uma idiota em full time.
Só não sei se a frase foi da sua autoria ou soprada pelo aluno que a fez ministra. 

Os Merdas!

Ontem não reagi a esta notícia porque era dia do meu aniversário e  não queria irritar- me.
Hoje, de regresso à normalidade, pergunto:
Mas que moral tem esta escória do PSD para fazer tais críticas?
Já se esqueceu essa cambada de merdas sem um pingo de vergonha na puta da cara que andou a arregimentar jornalistas para  almoços durante a campanha e pré-campanha eleitoral de 2011?  Que  nesses almoços eram veiculadas notícias que, mais tarde, se veio a confirmar serem em muitos casos falsas?
Essa cambada de escroques que roubou a milhões de portugueses o emprego e a esperança, mandou milhares para fora do país, condenou famílias inteiras à fome, já se esqueceu que pagou a esses jornalistas que veicularam  notícias falsas para os jornais onde trabalhavam (sabendo que estavam a mentir) com empregos em altos lugares da administração pública ou em gabinetes ministeriais? 
Essa corja de  vómitos do jornalismo, onde se incluem nomes como Francisco Almeida Leite, recompensado com cargos para os quais não tinha qualificações, Maria Lurdes Vale, Eva Cabral ( a que disse a um motorista, nos Açores, que "isto com gado corria melhor") e outros, está a ser paga há anos pelos contribuintes. Como o foram muitos outros, contemplados com lugares em gabinetes ministeriais.
Que legitimidade têm essas poias com pernas para lançar a suspeita de que o Abrantes, que afinal é Peixoto, escrevia no blog Câmara Corporativa posts elogiando Fenando Medina  era pago para isso?
Mesmo que fosse verdade ( e tudo indica que é mais uma mentira proveniente das mentes badalhocas que lideram o PSD ou dos  que xafurdam na latrina laranja em busca de sustento) estas meretrizes da política não têm qualquer moral para fazer uma crítica deste jaez. Se a fazem, é porque a vergonha os impede de se verem ao espelho.

Pedro, o Lobo e as gorduras de Estado

A UTAO é um organismo criado com o espírito dos velhos do Restelo. Todos os anos, quando o OE é apresentado, anuncia a desgraça. Ao longo do ano seguite vai insistindo que estamos  em maus lençóis e vamos levar tautau da UE por sermos incumpridores e não respeitarmos as exigências dos paizinhos da Europa.  No último trimestre do ano,  quando as desgraças anunciadas não se confirmam, anunciam que no ano seguinte é que vai ser , pelo que nos devemos preparar para mais austeridade.
Já não sei há quantos anos ouço esta lenga lenga, mas lembro-me que durante o governo dos Pafiosos era a mesma coisa.
Estava tentado a escrever  que um organismo que erra sistematicamente as suas previsões é uma gordura de Estado, mas não o faço, porque pode vir um ano em que os técnicos da UTAO tenham razão. Só que, o mais provável, é que  aconteça como na história de Pedro e o Lobo. No ano em que eles acertarem,  já ninguém lhes liga.
Mais ou menos o que acontece com os fãs de Pedro Passos Coelho. Num ano já anunciou tantas vezes a desgraça (até profetizou a vinda do Diabo em setembro, mas o mafarrico fez-lhe um manguito)  que cada vez são menos os infelizes que ainda dão crédito ao que ele diz.

Obrigado

Agradeço a  todos os leitores que amavelmente me enviaram os parabéns aqui, no On the rocks ( onde escevi um post alusivo ao dia) no  FB, por SMS , MSG ou email.
Embora não goste de festejar o meu aniversário, no último ano aprendi a ter uma melhor relação com este dia.
Obrigado a todos e espero encontrar-vos aqui novamente no próximo ano.
Bem hajam