quinta-feira, 8 de setembro de 2016

Those were the days (17)

Ampliem a imagem e divirtam-se com os diálogos. Imperdíveis!

MIX(órdia)

Durante o almoço, procurou convencer-me que merecia a promoção. Um dos argumentos era a sua oposição ao  novo acordo ortográfico.
É preciso defendermos a nossa língua, não acha? Se não formos nós a fazê-lo, a nossa língua desaparece. E já reparou  o despudor com que os novos escritores utilizam estrangeirismos? É intolerável!
Assenti com um leve aceno de cabeça
A conversa prosseguiu por outros caminhos relacionados com a edição.
O candidato passou a incluir muitos mixs, covers, copy paste, copy rights, publishers e anglicismos mil.
Terminado o almoço eu estava farto e quase disposto a dizer-lhe:

Lamento, mas estás fired. Ficou, porque é um grande profissional mas, sempre que passa por mim, vislumbro a soltar-se dos seus lábios um estridente Fuck you! Ressabiado, porque dei a promoção a outro menos qualificado, mas mais genuíno.