segunda-feira, 1 de agosto de 2016

Those were the days (1)



Primeiro dia de Agosto, primeiro dia da rubrica Those were the days que, a exemplo de anos anteriores, recupera memórias de outros tempos.
Hoje, recordo um modelo antiquado de câmaras de vigilância.
Trata-se de um modelo muito raro, por ter oito lentes. Hoje ainda se encontram  alguns exemplares em bancos de jardins, centros comerciais e cafés, mas raramente têm mais de quatro lentes.

People are strange



Eventualmente influenciado por esta crónica sobre o fim do mundo, hoje dei por mim a pensar nisto:
As pessoas incensam as tecnologias e as facilidades criadas pelo mundo digital. Muitas já só lêem jornais on line e ebooks, tendo eliminado totalmente a leitura em papel. Há cada vez mais livros e autores e a publicação de livros por via electrónica está cada vez mais acessível.
No entanto, paradoxo curioso, no momento em que pensa publicar um livro, toda a gente quer a edição em papel. Porque será?
Não me vou pronunciar, mas tenho um palpite. Este tema que escolhi para iniciar a semana de posts com música, vai agradar a muita gente.