segunda-feira, 26 de dezembro de 2016

A morte saiu à rua

2016 ainda não terminou, mas pode dizer-se que tem sido um ano de um extenso obituário de gente que nos era tão familiar. Como é o caso de George Michael que  nos deixou neste dia de Natal.
 "Different Corner" é, juntamente com "Careless Whispers", uma das minhas favoritas



Mas não é possível falar de George Michael sem o associar aos Wham. Esta canção estava programada para as "Memórias em Vinil", mas fica já hoje aqui, como parte do meu tributo. Obrigado, George!


7 comentários:

  1. E ele que celebrizou o Last Christmas...
    Já David Bowie e Leonard Cohen gravaram os seus últimos álbuns com títulos premonitóios.
    Coincidências.
    Abraço, Carlos

    ResponderEliminar
  2. Que descanse em paz.

    Os Wham: George Michael, Andrew Ridgeley, Shirlie Holliman, Pepsi DeMacque, Dee C. Lee.
    Grande equipa!

    ResponderEliminar
  3. Também gosto muito, o segundo video foi o que escolhi ontem e publiquei no face!

    As musicas do George Michael, assim como outros tiveram uma presença muito especial na minha vida, depois do falecimento do meu marido, o desespero e o vazio era enorme que me retirava a vontade de estar em casa,principalmente à noite, então refugiava-me no meu carro a ouvir o programa "Oceano Pacifico" que dava na RFM as musicas que passavam ainda hoje as ouço com um sentimento muito forte, porque fazem parte da minha vida.

    Beijinho Carlos

    ResponderEliminar
  4. Do George Michael, arrepio-me sempre que ouço a Father Figure! Mais recentemente descobri uma chamada As, que ele canta com a Mary J. Blige e que é grandiosa. Um grande senhor!

    ResponderEliminar
  5. Para ele foi mesmo. Este ano tem sido mesmo um ano horrível no que a talentos diz respeito.

    ResponderEliminar