quinta-feira, 6 de outubro de 2016

Cries and whispers

Guterres conseguiu ontem uma vitória em que poucos acreditavam, depois da jogada badalhoca da senhora Merkel.
O facto de ser um português com a dimensão de António Guterres a derrotar Merkel, dá-me um gozo muito especial mas, mais importante ainda, é constatar que, por uma vez, a decência imperou na ONU.
É certo que Merkel (caída em desgraça a nível interno e agora humilhada a nível mundial), mais o rodinhas das finanças alemãs, tudo farão para minar o mandato de Guterres. Os alemães não se rendem sem uma guerrinha e umas litradas de cerveja.
Já a derrota da candidata do Partido Popular Europeu( a búlgara Kristalina Georgieva) deve ser encaradas com algum optimismo. A  tentativa dos populares dominarem o mundo, depois de terem conquistado a Europa, falhou.  E isso é uma boa notícia.
Já as derrotas de Pedro Passos Coelho, Durão Barroso, Mário David e corja laranja vendida a Schaueble, deram-me aquele gozo único que só as derrotas dos pulhas proporcionam. 

1 comentário:

  1. Lá vão dizer que eu gosto do Passos Coelho...
    O que é que o Passos Coelho tem a ver com as acções de um militante do PSD e de um ex-militante??
    Como ele próprio deixou bem claro, as posições de ambos são posições individuais, não são do Partido.
    Essa foi um tiro no pé, Carlos.

    ResponderEliminar