terça-feira, 16 de agosto de 2016

Those were the days (7)

Embora o ferro eléctrico tivesse sido inventado em 1885, em meados do século passado, em muitos lares ainda se podiam ver estes ferros de engomar GALO.

7 comentários:

  1. Tenho um ferro de engomar muito parecido com esse, Carlos.
    Não é «Galo» nem tem a pega de madeira tão bonita e polida como esse, mas mandei-o lacar de cor pérola com florzinhas coloridas e ficou lindo. Serviu de bibelot durante muitos anos, depois devo de o ter arrumado.
    Agora que me lembrou, amanhã vou ver se o encontro lá para o sótão.:)

    ResponderEliminar
  2. Recordo que em casa da minha avó materna a roupa era passada com um ferro de brasas mas menos sofisticado do que esse.Tenho essa imagem tão presente!

    ResponderEliminar
  3. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar
  4. Carlos, mas que sofisticado! Não tenho presente estatísticas mas tenho a certeza que numa grande maioria de lares, no Algarve, só muito depois do 25 de Abril é que tiveram acesso a electricidade. Na saída a então vila de Loulé, na estrada em direcçção a São Brás de Alportel, havia a Companhia Eléctrica do Alentejo e Algarve, com o depósito da água à sua frente com grandes letras com as iniciais CML, a que o povo utizava para lhes chamar: Cab...,Malandros, Ladrões, porque a partir daí não havia nada para ninguém. Ferros só os de ferro com brasas de carvão lá dentro, que se abanavam com um capacho de empreita, para não falar dos pequenos que se aqueciam directamente em cima fogo, quando se tratava de passar só uma peça ou duas. Isto para não falar da parte serrana e do interior que hoje é tão apreciada pelos turistas, pelos seus doces, licores e diversões. Era assim o nosso Portugal, que apesar de ter evoluído tanto nos últimos anos, agora está a regredir porque há muita gente que não tem dinheiro para pagar a factura da luz.

    ResponderEliminar
  5. Deus dê saúde a quem passou muitos anos a ferro com um muito parecido, embora não fosse galo, nem tivesse esse aplique dourado.

    ResponderEliminar
  6. Deus dê saúde a quem passou muitos anos a ferro com um muito parecido, embora não fosse galo, nem tivesse esse aplique dourado.

    ResponderEliminar