quarta-feira, 20 de julho de 2016

Boas e más notícias





A cadeia de supermercados espanhola Mercadona distribuiu  257 milhões de euros pelos  76 mil funcionários.  
Foi um gesto de agradecimento pelo seu desempenho que permitiu à empresa encaixar lucros  na ordem dos 540 milhões.
Esta é uma boa notícia, mas remonta já a 2015.
Outra boa notícia é que a totalidade dos trabalhadores da Mercadona tem contrato de trabalho permanente.
E o que é que isso nos interessa? Perguntarão alguns leitores
Em boa verdade, estas boas notícias apenas interessam, pelo facto de a Mercadona vir para Portugal, onde vai abrir quatro supermercados ( numa fase inicial) e criar algumas centenas de postos de trabalho. O que é uma boa notícia.
A má notícia é que só virá em 2019. Até lá os portugueses terão de continuar a encher os bolsos dos Santos e Belmiros, merceeiros bem menos dispostos a partilhar lucros com os seus funcionários e muito menos com os consumidores.
As "campanhas de descontos" são feitas à custa dos fornecedores, os impostos são pagos na Holanda( Pingo Doce) e até a generosidade dos portugueses é aproveitada para aumentar os lucros. Como acontece, por exemplo, com as campanhas dos Bancos Alimentares.
Espera-se que a entrada da MERCADONA em Portugal contribua, pelo menos, para tornar os nossos merceeiros menos avarentos.

1 comentário:

  1. Oxalá que a Mercadona não seja como a Aldi.
    Lá fora, quase um exemplo, cá dentro uma desgraça.

    ResponderEliminar