domingo, 26 de junho de 2016

Um ano depois, a história repete-se

Na próxima madrugada disputa-se a final da Copa América (edição do Centenário).
Tal como ano passado a final é entre Chile e Argentina. Mas há uma grande diferença. Ano passado estava em Moscovo, quando me levantei para tomar o pequeno almoço o jogo estava no prolongamento e  ainda assisti a essa fase penosa do jogo, decidido a favor dos chilenos na marcação das grandes penalidades,
Este ano estou em Portugal, o jogo será um pouco mais cedo e talvez consiga assistir. Se me der o sono, tenho sempre hipótese de ver no dia seguinte.
Espero é que não seja um jogo tão chato como dizem terá sido o de 2015 e que desta vez ganhe a Argentina. Finalista em quatro das cinco últimas edições da Copa América, a Argentina não venceu nenhuma. Pode ser que este ano quebre o enguiço e conquiste o 15º troféu, igualando o Uruguai, país com mais triunfos alcançados nesta competição.

5 comentários:

  1. Carlinhosamigo

    Creio que sabes que adoro o futebol, mas só um chuto na bola se ela for...oval, porque joguei râguebi quando era jovem.

    Tenho visto casi todos los partidos de Copa América. A ver lo que pasará en la final... Creo qe Argentina ganará... :-))))

    Mas tenho de confessar que não vi o Portugal-Croácia: tive medo de um enfarte...

    Abç do Leãozão

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Hallöchen, PANIKHERZ!

      Acreditavas na vitória da Argentina???

      Eliminar
  2. Enquanto o Chile comemora o segundo título seguido da Copa América, a Argentina lamenta mais um revés. Além de perder nos pénaltis duas vezes seguidas para a seleção do país vizinho, os argentinos ainda amargaram em 2014 a derrota na final da Copa do Mundo no Brasil, para a ALEMANHA.
    Messi deixa a seleção argentina após derrota com o Chile. Schneller Junge!!!

    ResponderEliminar
  3. Uma despedida gloriosa da Selecção do seus país, transportado em ombros, o "melhor" jogador do mundo. Imaginem se fosse o pobre Ronaldo, o que não diriam neste nosso pequeno pais. Ainda mais um jogador que finta o fisco e se desculpa no pai. Grande homenzinho.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Anfitrite, em muitas coisas até estamos de acordo e, esta é uma delas. Quando li a notícia também pensei logo no CR7.
      Só que em Portugal, santos da casa não fazem milagres.

      Eliminar