segunda-feira, 6 de junho de 2016

Quem sabe, sabe...

Será por esta razão que há por aí muita gente a defender que as escolas privadas devem ser  pagas pelo Estado?
E depois vão sugerir que os professores dessas escolas insultem as mulheres que não tenham filhos?

6 comentários:

  1. ~~~
    Parece anedota, mas tudo leva a crer que não...
    ~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~

    ResponderEliminar
  2. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar
  3. Estou divertida com a máxima: "cá se fazem cá se pagam". O Marcelo que se livrou por pouco de publicar as alterações às alterações que o anterior governo fez em fim de curso . Ele que tinha rasteirado o Guterres (eu sei que o mentor vitor delícias e o pp tb não gostavam), que o fez voltar atrás com uma lei já aprovada (a do aborto), e que também se livrou da adopção, que a direita não queria, tem agora nas mãos as barrigas de aluguer...Como o mundo é divertido.
    Parabéns pelo seu vizinho de adopcão ter corrido, por pouco, com a família Fujimori. Aqui também, mesmo os pobres se uniram contra os ladrões ditadores. Não sei qual a força do presidente, mas o Parlamento ficou ainda em baixo.

    ResponderEliminar
  4. Não sei qual das duas é mais estúpida.
    Estamos mesmo no século XXI?? :(

    ResponderEliminar
  5. Isto é um problema grave que por certo deixará quem passa por ele muito traumatizada. Parece que quanto mais a tecnologia avança, mais a mente do homem se torna retrógrada. E se a primeira é má a segunda é pior. O que farão às mulheres que não são mães, não por opção, mas porque são estéreis. Matam-nas, seguindo a letra bíblica que diz" Árvore que não dá fruto, arranca-se pela raiz" ?
    Abraço

    ResponderEliminar