sexta-feira, 20 de maio de 2016

O que nos separa da Alemanha...

... é uma questão de escala. Falta-nos ambição, na hora de oferecer aos consumidores as escolhas certas.
Por cá  temos a BIC laranja, BIC cristal, duas escritas à sua escolha. Isso faz alguma diferença, quando toda a gente usa computadores para escrever?
Os alemães vão ao âmago da questão: o importante mesmo é ter a possibilidade de escolher a cerveja certa. O resto vem por acréscimo. Vai daí, oferecem aos consumidores duas opções cervejeiras, tão distintivas como as da BIC, mas qualquer uma delas de grande utilidade para matar a sede:

OU....


Tenham um excelente FDS. Aproveitem o calorzinho para beber umas cervejolas

5 comentários:

  1. Como não gosto de alemão porque me arranha a garganta, não entendi a piada. De qualquer modo desejo-lhe um óptimo fim-de- semana. Eu no entanto não bebo cerveja desde que determinada pessoa foi para ministro da economia. Também não bebo chá Lipton (nota-se) porque pertence a um grupo que eu abdomino. São as minhas pequenas vinganças.

    ResponderEliminar
  2. O Uerige é um dos mais tradicionais pubs da cidade de Düsseldorf, lá bebemos Altbier directo do barril, sem vinganças.

    ResponderEliminar
  3. Há coisas a que não consigo achar piada. BFS

    ResponderEliminar
  4. No que respeita a cervejas, a Bélgica também tem coisas interessantes, e sempre é mais "próxima" do que Munique...
    Bom fim de semana

    ResponderEliminar
  5. Obrigado pela sugestão, mas tive um sábado sem sol e fresco! Não gosto de cerveja alemã, acho que não dá pica.
    Podem não serem da BIC, mas escrevo imenso com esferográfica ou mesmo caneta.

    Beijinho Carlos tenho um bom fim de semana.

    ResponderEliminar