domingo, 13 de dezembro de 2015

A Feira dos Capões


Por estes dias, a propósito do post Capados Mentais, uma leitora lembrou-me uma crónica que eu aqui escrevi em 2008, sobre um episódio familiar ocorrido durante a Feira dos Capões em Freamunde.
Constatei que vários leitores manifestaram curiosidade e interesse em ler a crónica. Como a Feira dos Capões  se realiza todos os anos no dia 13 de Dezembro, aproveito a data para recordar a história, que podem ler AQUI. Espero que gostem e se divirtam...
Aproveito também para agradecer à Janita ter disponibilizado de imediato o link.É bom ter leitoras/es atentas/os e colaborantes.

12 comentários:

  1. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar
  2. Carlos envio este singelo texto dedicado `a feira dos capões e, por inerência, `a feira de S. Luzia, escrito em 2010. Um abraço.http://coisasquepodemacontecer.blogspot.pt/2010/12/feira-dos-capoes.html

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Muito obrigado, caro Manuel. Gostei imenso de ler a sua crónica e aprendi muito com ela.
      Abraço

      Eliminar
  3. Finalmente li a Crónica dos Capões. Como raio iria eu associar o capão ao Natal, eu que sou algarvia (mas sei muito bem o que é estrugido) porque nós lá nunca associámos o peru ao Natal é já basta de castrados. Coitadinha da senhora alemã que só deve ter casado com o senhor por causa das peles e do frio que deve ter rapado na Alemanha.
    Essas memórias têm sempre muita piada, porque quando somos crianças e jovens não nos escapa nada. Agora estou a lembrar-me duma noite de 24/12, tinha eu oito anos, em que fomos passar a noite a casa dos meus avós maternos. Eu claro precavi-me logo e deixei o sapatinho na chaminé. Depois de sairmos a minha mãe disse que se tinha esquecido de qualquer coisa para ter de voltar a casa. Eu matreira fiquei à espera com o meu pai e a pensar para mim:"foi pôr a minha prenda". Mas continuei a fingir que ainda acreditava no Menino Jesus.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. As alemãs gostam do frio, mas não gostam de peles.

      Eliminar
  4. Não é que isto tenha alguma importância, Carlos, até porque a crónica é a mesma, mas em 2008 ainda o "On the rocks" não era 'nascido' e foi lá que eu a li em 02 de Dezembro de 2012!

    Grata pela referência à minha pessoa!...Às vezes, atenta demais! ;)

    Janita

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Será que também eu, sou atenta demais?

      Eu vinha dizer a mesma coisa, Janita!

      Eliminar
  5. Hoje , dia 13 , estive lá perto , de Freamunde e nem me lembrei da feira. Paciência , capões por aí não faltam e nem os posso ver.
    M.A.A.

    ResponderEliminar
  6. Ah, se os meus amigos bloguistas dependessem da minha memória... suponho que não iam muito longe! :)

    Quanto a essa feira, nem sabia que existia. Ou já não me lembro... :D

    Beijocas

    ResponderEliminar
  7. Por estas alturas parece que ainda por aqui não andava.
    A alemã não era a Angie, pois não?? :)))
    Aquele abraço, boa semana

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não, não era a minha amiga Angie. porque ela ainda era uma criança, Pedro.

      Eliminar
  8. Na Alemanha não temos a Feira dos Capões.

    AQUI, só temos cantores castrados.

    ResponderEliminar