sexta-feira, 31 de julho de 2015

Bem aventurados os pobre de espírito



Um jogador de futebol português transferiu-se para um clube espanhol. Na cerimónia de apresentação no seu novo clube vestiu uma t-shirt com a  fotografia de Franco estampada. Perante a indignação da comunicação social e das redes sociais, o jogador tuga pediu desculpa e garantiu que não sabia que a fotografia da t-shirt era do ditador.
Por mim está desculpado. Em Outubro haverá muito tuga que irá votar na coligação, porque ignora o mal que esta fará aos seus pais, aos seus filhos e a eles próprios. Essa ignorância parece-me muito mais grave do que a do jogador de futebol tuga, nascido para pensar com os pés.

14 comentários:

  1. Mas também nos intervalos da bola, não perdia nada "cultivar-se um pouco"!!!!!!!!!!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Esta Teresa não é a ematejoca, Carlos, porque eu sou contra o cultivo da mente.

      Eliminar
  2. Sim, ele revelou isso tudo o que diz.
    E o que dizer dos dirigentes do clube onde se apresentou com a tal t-shirt?
    A ninguém ocorreu mandá-lo mudar de vestimenta?
    Cumprimentos.

    ResponderEliminar
  3. Sim, ele revelou isso tudo o que diz.
    E o que dizer dos dirigentes do clube onde se apresentou com a tal t-shirt?
    A ninguém ocorreu mandá-lo mudar de vestimenta?
    Cumprimentos.

    ResponderEliminar
  4. Quantos portugueses, que não pensam com os pés, gostariam de vestir uma T-shirt com a fotografia do Salazar.

    Abençoados os pobres de espírito que são eles que entram o reino dos céu.

    ResponderEliminar
  5. O rapazola tem 29 anos, idade suficiente para ter juizo. Nuno Silva, o tal que vive a dar pontapés na bola, deu um enorme pontapé na cultura. Se, como disse, não conhecia a história de Espanha e, por isso, não sabia quem era o homem estampado na camisola, o que o terá levado a vesti-la? E, presumo, a adquiri-la.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não me choca grandemente que o moço desconheça a personagem, porque estará à altura da ignorância, e que é evidente, da grande maioria dos espanhóis relativamente a Portugal. Não sabem, nem têm interesse em saber.
      Apresentem uma camisola com a cara e nome do ditador português e verão que nem espanhóis de 39 ou 49 anos saberão quem seja. Culpo os dirigentes do clube e não o rapaz.

      Eliminar
  6. É capaz de ter pensado que era um revolucionário

    ResponderEliminar
  7. Se o mercado vende essas T-shirts, significa que há procura, portanto há por aí muitos Nunos ou até Nunas a vesti-la.

    ResponderEliminar
  8. As estampas dos 'generalissimos' vendem mais e os jovens gostam de aparecer e sabe-se lá ele não pensou apenas se tratar de um roqueiro famoso qualquer... rs
    Foi mal, mas nem tanto _ era só uma camisa ! mal mesmo é como fala em seu texto _ na hora de votar incorporar o lado 'burrinho' de novo ... rs

    abraços

    ResponderEliminar
  9. Um pouco na linha da Ematejoca, explico um pouco
    aquilo que entendo ser mais que a distracção

    - uma T-shirt estampada tem uma imagem criada, e o criador é um estupor
    - uma T-shirt estampada é fabricada numa unidade fabril que se quer bem sustentada
    - uma T-shirt estampada chega ao mercado depois do retalhista a ter encomendado
    - uma T-shirt estampada quando escolhida para acto público é recomendada por quem sabe do assunto...

    ResponderEliminar
  10. Vou só comentar a 1.ª parte do texto, sobre isso apraz-me dizer que este episódio só confirma que a maior parte dos jogadores de futebol são uns cepos e que só tem serradura dentro da cabeça.
    Sobre a T-shirt em si, achei precipitada a onda de críticas que se abateu sobre o jogador por usa-la. Se virmos bem, aquela t-shirt tem o Franco numa pose militar com uma mulher quase nua ao lado, com os olhos tapados pela palavra inglesa «censured». Acho que a T-shirt no fundo era uma ironia às ditaduras e aos ditadores. Mas está bem, pelos vistos não são só alguns jogadores de futebol que são uns cepos.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ainda bem que o Paulo explica como é que é essa T-shirt, pelos vistos uma ironia às ditaduras e aos ditadores. Claro que o Nuno não a vestiu com essa intenção, mas porque a achou "cool".

      Pior do que os cepos são os apóstolos da moral.

      Eliminar