segunda-feira, 22 de junho de 2015

Só falta meter no forno...

Ainda o problema Grécia não está resolvido e já outros se vislumbram nesta Europa à beira do precipício. Renzi já pôs as cartas na mesa e foi claro: ou resolvem o problema dos imigrantes, ou a Itália irá agir. Na Dinamarca a direita perdeu as eleições, mas vai formar governo aliando-se um partido anti europeu e anti- imigração. E depois, em 2016, ou 17, teremos o referendo em Inglaterra. Estão reunidos todos os ingredientes para que a receita resulte num mau  cozinhado.
Agora só falta meter no forno para sair uma porcaria ainda pior que esta.

5 comentários:

  1. Os lobos ainda não acordaram. Ai da CEE quando esses monstros começarem a rugir...

    ResponderEliminar
  2. De acordo com Atenas, a nova proposta trará "a solução final com um acordo benéfico para todos". Detalhes da proposta, no entanto, não foram divulgados.

    Se o barco grego afundar; o nosso barco é o próximo a afundar-se, mesmo que haja um milagre e, o António Costa seja eleito PM.

    ResponderEliminar
  3. O secretário-geral do PS acha que Bruxelas, mais do que discutir os cortes e austeridade, devia estar a debater o futuro da Europa. A solução que for encontrada "não é só uma solução para a Grécia, é uma solução para toda a Europa".

    Desejo que não seja mais uma conversa oportunista para agradar aos gregos e aos troianos, porque senão, que mete o António Costa no forno sou eu.

    ResponderEliminar
  4. Além de tudo ninguém fala da Macedónia e de tudo que se passa, outra vez, nessa zona dos Balcãs e arredores. Só os loucos não querem ver, mas estamos metidos numa grande alhada e há quem queira ficar, de novo, na História, seja por boas ou más razões. O que nos safa são os optimistas imbecis.

    ResponderEliminar