sexta-feira, 12 de junho de 2015

Mais um mito urbano que caiu

A TAP comprou a Portugalia por 140 milhões de euros. Hoje, o governo ofereceu vendeu a TAP por 10 milhões de euros. Um verdadeiro negócio da China, que deveria envergonhar esta escumalha. No entanto, eles estão satisfeitos. Porque será?
O governo sempre disse que só venderia a TAP a quem garantisse a permanência da sede em Lisboa e as rotas para os países lusófonos, mas acabou por vender a empresa a quem apenas garante essas exigências durante 10 anos.
O senhor procurador e o senhor doutor juiz não suspeitam de nada nesta negociata?

6 comentários:

  1. E os 350 milhões que o Neeleman, ou lá como se chama o comprador, vai investir na companhia para poder manter a malta toda que tem feito greves, não contam?

    Quero ver agora como se vão gabar de já terem causado milhões de prejuízo ao Estado, com as greves!

    Seja qual for o Partido que for para o poder, nunca conseguirá agradar a gregos e troianos e as crónicas de mal-dizer vão continuar...É assim a vida de quem escreve, a sua missão é ser do contra...
    Nada como um dia atrás do outro!

    Janita

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Chiça que você passou a anónima por ter ficado amarga. Noutros lados costuma ser mais doce. Daqui só tiro duas conclusões. Mas tenho de apurar o meu sétimo sentido para tirar uma conclusão definitiva. Só os frustrados e mal informados falam mal só por falar.

      Eliminar
  2. Enquanto não conhecer bem os contornos do negócio, que não conheço, não comento.
    Aquele abraço, bfds

    ResponderEliminar
  3. Eu acho que é o Sócrates que está por detrás de toda esta manigância....Ó se está!

    ResponderEliminar
  4. Alguém ouviu falar dos estaleiros de Viana do Castelo?

    ResponderEliminar