quinta-feira, 29 de janeiro de 2015

Isto é como ir às putas, Martin!

Se lesses o CR não te espantavas, Martin. Há meses alvitrei a hipótese de a Grécia  mudar de parceiros. E devias lembrar-te que  não há muito tempo- ainda antes de rebentar a crise na Ucrânia- Putin se ofereceu para pagar a dívida da Grécia, mediante algumas condições.
A vida é assim mesmo, pá! Não percebo a razão do teu espanto. Quando ias  às putas, como fazias se não saísses de lá satisfeito? Procuravas outra, não era?
Em sentido figurado, é o que o Tsipras está a fazer. Se a Merkel for esquiva e não o deixar satisfeito, ele bate com a porta  e vai ao Putin.
Imagina só a alegria do Putin se vir  Tsipras a bater-lhe à porta! Ele conhece bem  os voluptuosos  atributos geo-estratégicos da Grécia. O Tsipras, por sua vez, sabe como pode fazer render esses atributos. É que ele tem lá em casa uns milhões de famintos a quem tem de dar de comer.  Essa é a sua primeira prioridade. Não se comporta como um coelho selvagem que se está marimbando e se os filhos tiverem fome deixa-os  morrer,  para agradar à namorada.
É essa a diferença entre um Homem e um bicho. Não te ensinaram isso na escola, Martin?

3 comentários:

  1. Leia-se a História da Grécia durante a 2ª Guerra Mundial e tudo fica claro como água!

    ResponderEliminar
  2. Quando ouvi a notícia de que o principal porto da Grécia estava a ser privatizado fiquei espantada. Maldita desunião da Europa que tem espezinhado todos os que são mais fracos. Não foi para isso que se criou a UE. Maastricht quer tratar por igual aquilo que é diferente. Não é assim que há solidariedade. E a Ucrânia está com está por causa da UE e dos americanos. Querem bloquear todas as saídas que a Rússia tinha,desde o porto da Síria a outros, mas só lançaram a guerra e a confusão. A Rússia foi o primeiro país a opôr-se ao jihadismo, quando se revoltaram os muçulmanos radicais da Thechênia, depois veio o Kosovo e o resultado só tem dado em tragédias para todos. Como é possível esquecer o que se passou desde 39?

    ResponderEliminar
  3. Os gregos estão a aproveitar o activo estratégico mais importante - o mar.
    Nós andamos às voltas com submarinos escondidos :(

    ResponderEliminar