terça-feira, 1 de abril de 2014

Homenagens de 1 de Abril (2)

Respeitando as hierarquias, a última  homenagem do dia vai  para Paulo Portas que, na sexta-feira, garantia na AR que as pessoas a quem tinha sido retirado o RSI tinham todas mais de 100 mil euros numa conta bancária.
Ontem, o jornal i publicou este gráfico (  a acompanhar este texto) que o desmente, mas parece-me que a realidade ainda desmente mais do que o gráfico...

Passos Coelho nas urgências do Amadora-Sintra

O CR sabe que ao final do dia, PPC teve de ser levado com urgência ao hospital Amadora-Sintra. Cerca das 18 horas, Passos Coelho deu  por   terminado o dia de trabalho e preparava-se para regressar a casa a fim de comemorar o Dia das Mentiras num jantar a dois com a Laura, quando se sentiu mal.  Os médicos de serviço nas urgências diagnosticaram-lhe uma congestão provocada por ingestão  excessiva de mentiras. 
 "O pm por vezes comete alguns excessos discursivos e, sendo o seu organismo alérgico à verdade, reage mal. Mas não foi nada grave. Receitámos-lhe umas ampolas de soro da verdade e amanhã ele estará pronto para continuar a mentir   - confirmou ao CR  fonte hospitalar
Afinal, apurou o CR junto de fonte de S. Bento, foi apenas o resultado de um dia com uma agenda muito preenchida.

Passos Coelho passou o dia no gabinete

Passos a trabalhar em mais uma mentira


Pedro Passos Coelho não saiu hoje do seu gabinete de S. Bento. Sendo este Dia das Mentiras uma data muito querida ao primeiro-ministro, ele chegou a pensar não ir trabalhar, mas foi demovido por Poiares Maduro.  O ministro adjunto para as patranhas e confusões  terá lembrado a Passos  que a opinião pública  talvez não aceitasse bem que ele fizesse feriado no dia do seu santo padroeiro, depois de ter cortado quatro feriados aos trabalhadores.
Inicialmente PPC recusou a sugestão de Maduro, mas acabou por acatá-la depois de se ter aconselhado com Relvas. O braço direito de PPC para  licenciaturas fastfood foi lesto a sugerir-lhe que aproveitasse o dia para inventar umas mentiras novas.
O CR sabe que PPC acolheu muito bem a sugestão do seu amigo e sócio das trafulhices com as verbas do FSE e passou o dia a planear  mentiras para os dias 8 e 9 de Abril.  Nesses dias, Passos receberá  os partidos e os parceiros sociais. 
Embora o tema das reuniões  (Analisar a conclusão do programa de assistência) seja já uma mentira e  só o Portas acredite que a troika faz as malas no dia 17 de maio e nos deixa em paz, PPC quer abrilhantar as reuniões com os partidos da oposição e os parceiros sociais com umas petas novas. 
"O objectivo é pôr os partidos da oposição e os parceiros sociais a desconfiarem uns dos outros, pelo que terei de ser muito imaginativo" - confidenciou ao CR o próprio PPC que pediu, no entanto, que o mencionasse na notícia como  fonte próxima de S. Bento. Ou seria de Belém?

A decepção de Marilú

És um aldrabão, pá! Lá porque hoje é Dia das Mentiras, não tinhas o direito de me enganar. Disseste-me que era deste tamanho e afinal nem metade! Pareces os pescadores quando falam do tamanho do peixe que pescaram. São uns exagerados!

Homenagens de 1 de Abril (1)



Tempos houve em que 1 de Abril era o Dia Mundial da Mentira. Passos Coelho fez uma revolução e decretou que o Dia das Mentiras é quando o governo quiser. Passos Coelho quer muito. Um dia sem uma mentira, significa para PPC uma noite mal passada. A mentira é a droga que o ajuda a dormir tranquilamente, porque ele não suporta a verdade.
Em homenagem ao grande mentor desta revolucionária forma de desacreditar a política , aqui fica um video evocativo de algumas das suas grandes mentiras. O video é curto, porque para elencar todas as mentiras, seria preciso um filme para aí com 24 horas de duração.