terça-feira, 16 de dezembro de 2014

Xurdamos, irmãos!

Banco, basqueiro, cibervadiagem, corrupção, ébola, gamificação, jihadismo, legionela, selfie e xurdir  são as 10 palavras candidatas a palavra do ano 2014, na votação promovida pela Porto Editora.
Sócrates vai ter que xurdir para dar a volta ao texto, mas não foi por isso que votei em “Xurdir". Foi  por estas cinco razões.

10 comentários:

  1. Há uma coisa que eu nunca entendi. A maioria das pessoas diz que os árabes, moiros ou muçulmanos diz ou pensa que os árabes são uns calões, que vivem estirados ao sol nos desertos, porque raio xurdir tem como sentido, entre outros trabalhar que nem um moiro.[ Trabalhar sem descanso; fazer pela vida. = MOUREJAR]
    in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Essa é apergunta de um milhão de dólares, golden bee:-)

      Eliminar
  2. Tem piada que eu também escolhi esta. As outras têm quase todas um sentido negativo ou pejorativo e, pior ainda, atraiçoam a nossa língua, que qualquer nem existe. A nossa língua tem uma raiz diferente da inglesa, mas falta pouco para que haja alguém que conheça o étimo das palavras. É bem verdade que já trabalhei demais, para os outros agora só destruírem.

    ResponderEliminar
  3. Gosto mais da palavra do ano alemã "Lichtgrenze".

    "Sócrates vai ter que xurdir para dar a volta ao texto"

    é a frase que escolhi para 2014!!!

    ResponderEliminar
  4. Ainda bem que está no sítio certo! Foi xurdir para os outros. O alemão não tem uma palavra. Tem uma mistura delas.

    ResponderEliminar
  5. Respostas
    1. Xurdamos, Francisco. Verbo regular terminado em ir. EXs: Partir, partamos; servir, sirvamos; sentir, sintamos and so on

      Eliminar
  6. No nordeste transmontano , as palavras começadas por ch ou x , são sempre pronunciadas como sendo ...Exemplo , " Xinelo" "xuço " xíxaro" " xurdir" " xonar" " xávena" etc
    M.A.A.

    ResponderEliminar
  7. A palavra do ano é incontornavelmente «corrupção», foi nela que votei. Infelizmente a corrupção foi sempre o grande cancro deste país.

    ResponderEliminar