quarta-feira, 19 de novembro de 2014

O PS é gastador e incompetente

Mais uma notícia que demonstra bem como os socialistas, quando chegam ao poder. fazem a política de direita ( o resto do discurso  esqueci-me mas vou ali ler o Avante!) ou, como garante a direita,  são despesistas e incompetentes que delapidam as contas públicas.
"Programa Escolhas, criado pelo governo Guterres, distinguido com prémio internacional, como exemplo de eficiência de políticas públicas"

5 comentários:

  1. Boa! Esta e tantas outras políticas "despesistas" que resultaram, e continuam, mas que a mentira instituída teima em esconder ou ignorar.

    ResponderEliminar
  2. Por ser bom é que foi mantido estes anos todos, Carlos.
    Não será assim?

    ResponderEliminar
  3. Tenho por António Guterres muita consideração, por ser católico como eu, ter uma boa formação moral e valores de solidariedade e de humanismo irrepreensíveis, por isso mesmo penso até que foi a personalidade portuguesa que após o 25/4 estava mais bem preparada para ser 1.º Ministro. E até fez coisas boas, como o ex. das políticas que acima dá, a criação da loja do cidadão, o rendimento mínimo garantido, mais tarde rendimento social de inserção e a abolição das portagens na CREL, que infelizmente foram repostas.

    Mas existe o reverso da medalha. O problema de António Guterres é que pensava que era 1.º Ministro de um país rico cheio de petróleo e com uma população instruída e culta, como é por ex. a Noruega, o que infelizmente não é o caso de Portugal. Então pôs-se a gastar o dinheiro que Portugal tinha e não tinha, o que fatalmente conduziu o país a um pântano que ele não teve coragem nem habilidade de enfrentar e por isso deu de frosques. A mim parece-me que tal desfecho se deve ao despesismo ou à incompetência ou às duas coisas juntas.

    Também é curioso que foi em governos liderados por secretários-gerais do PS (1978 e 1983 Mário Soares e 2011 José Sócrates), que o país se aproximou perigosamente da bancarrota e solicitou auxílio do FMI. E se assim foi, foi porque os governos ou foram incompetentes ou despesistas ou as duas coisas juntas.

    ResponderEliminar