quarta-feira, 5 de novembro de 2014

Nove semanas e 1/2

O ano lectivo 2014/2015 começou em Setembro.
Depois de todas as cenas rocambolescas  na colocação de professores, que imperam milhares de alunos de ter  aulas , a situação tende agora a normalizar-se. Ao fim de nove semanas... e meia.
O ministério do matemático falhado já anunciou que em breve vai começar a planear a colocação dos professores para o próximo ano lectivo Mas não é esse o problema. 
O que Crato precisa de explicar é  como vai resolver o problema dos alunos que em Junho terão de se apresentar a exame, em condições de desvantagem, perante aqueles que tiveram aulas desde o início.
De quando em vez vêem a lume notícias, ao estilo de balão de ensaio, para apalpar as reacções. Decisões não há.
A este ritmo, talvez para o Carnaval ( estarei a ser optimista, eu sei...) o problema esteja resolvido da forma atamancada a que Crato nos habituou.
Milhares de alunos verão o seu percurso académico prejudicado para sempre, por terem partido em condições de desigualdade, face á maioria. Crato reconhece-o, mas considera isso um acidente de percurso.

6 comentários:

  1. Crato não é só incompetente(o que já seria muito mau) , é uma fraude, porque construiu a sua reputação à conta de exigir rigor, responsabilidade e qualidade!!

    Além disso, o que ele pretende -tal como Passos e seu grupo - é destruir a Escola Pública !!!

    Bom serão, amigo.

    ResponderEliminar
  2. 9 semanas e meia.
    Enquanto no Ministério da Educação encontramos a grande farra.

    ResponderEliminar
  3. Nem vou comentar porque não conseguirei conter a minha revolta.

    ResponderEliminar
  4. O amigo (C)rato arranja uma solução rápida e barata: obriga os professores efetivos e os colocados a dar as aulas de recuperação - mais umas tantas por semana - e não se queixem porque só estão a cumprir 35 horas semanais enquanto os restantes funcionários públicos (esses preguiçosos!) cumprem 40!!

    Nove semanas e meia é bom de mais para o ME - sempre tem a Bo Dereck....

    CAMBADA DE MALANDROS!!!

    ResponderEliminar
  5. O meu filho, na 4ª classe, ainda não tem AEC's. Em contrapartida a professora é a mesma desde a 1ª classe.

    ResponderEliminar
  6. Em Nove Semanas e Meia havia sedução, jogos sexuais, sensualidade.
    A semelhança é mais ou menos a do tijolo e do canguru (ambos saltam excepto o tijolo) - neste caso, de sedução, jogos sensuais e sensualidade, ambos têm excepto o Crato :))

    ResponderEliminar