quinta-feira, 28 de agosto de 2014

Tão felizes que nós somos!

O que mais me surpreende nesta notícia, não é a perda de confiança dos consumidores da zona euro. É, outrossim, termos mais expectativas no futuro, do que franceses e italianos.

3 comentários: