domingo, 1 de junho de 2014

Obrigado, Seguro!

A crise intestina do PS teve uma virtude. Deu a perceber àqueles que ainda acreditavam que Seguro era uma alternativa, que o líder do PS não é, em nada, diferente do PSD de Passos Coelho. Se um dia Seguro chegasse a primeiro ministro- o que, felizmente, nunca acontecerá-  limitar-se-ia a sancionar a política do PSD. Por isso é que Seguro nunca apresentou propostas alternativa consistentes , ou convincentes.Ele só pretende ser co-lider do velho amigo Passos Coelho. Provavelmente conseguirá. Com o PS reduzido a 20%  nas próximas legislativas ( talvez esteja a ser optimista), Seguro terá conseguido destruir o partido e entregá-lo, de mão beijada, à estratégia de Passos Coelho.
Quando ontem, Seguro dizia "Habituem-se, porque isto mudou" foi bem claro. Acima de tudo, o líder socialista deixou bem explícito que os seus interesses pessoais estão acima dos interesses do partido e do país.
Os socialistas só têm de lhe agradecer a clareza.
  

10 comentários:

  1. Nunca confiei no actual líder do PS , sempre o achei cara de anjo papudo e muito soft.
    Diz-se que é grande amigo do PM, noitadas bem comidas e bem bebidas ( isto é o que consta por aqui , longe de Lisboa )...Diz-me com quem andas , dir-te-ei quem és.
    Venha o Costa.
    M.A.A.

    ResponderEliminar
  2. ~ ~ Futurologia pinta um quadro muito cinza no provir do PS.

    ~ ~ Desde quando é considerada como uma "crise intestina",
    ~ o saudável aparecimento de um novo candidato a líder!

    ~ ~ ~ Uma excelente semana. ~ ~ ~

    ResponderEliminar
  3. Sou militante, não sou "segurista"!
    As hostes começam a perfilar-se e no facebook já leio coisas bem desagradáveis o que me deixa bastante incomodada!

    Abraço

    ResponderEliminar
  4. Desde quando um líder corporiza todo um partido?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Se conhecesse os Estatutos, que ele blindou, em que só ele se pode demitir. e ninguém mais o pode fazer, talvez falasse doutra maneira. Apesar deste não ter hormonas para isso, Hitler também começou como líder do nacional-socialismo.

      Eliminar
  5. Seguro pôs as "garrinhas" de fora...

    ResponderEliminar
  6. Obrigado não digo, mas a partir de agora, no PS, só segue Seguro quem for bem parvo, pois já deu para ver o que vale e o que dali pode vir.

    ResponderEliminar
  7. Nunca vi este Seguro nada seguro de si nem das suas ideias.
    Por vezes temia que se aliasse ao PSD numa primeira oportunidade para lhe ser dado um lugar de vice primeiro - não sei das quantas mas com muitos seguranças e guarda costas...

    ResponderEliminar