terça-feira, 17 de junho de 2014

Noite de insónia



Antes de me deitar, liguei finalmente a televisão. Em má hora o fiz. Não vi notícias sobre o mundial da bola, mas vi imagens horripilantes sobre as execuções  perpetradas pelos jihadistas no Iraque. Imagens  chocantes  que as televisões passaram, porque a barbárie não pode ser varrida para debaixo do tapete, só para aliviar as nossas consciências. Ou fazer esquecer que há um português  co-responsável por  este holocausto. Chama-se Durão Barroso, é presidente da Comissão Europeia há 10 anos e não desdenharia ser presidente de Portugal,  no caso de a Merkel não lhe arranjar coisa melhor lá por fora.
As imagens, repito, são aterradoras e não as reproduzo aqui ( quem quiser vê-las, sugiro que  váaqui).
Abro apenas uma excepção para esta acima onde se vê um jovem xiita, envergando a camisola de Nani , a ser encaminhado para o local onde vai ser executado.
As imagens não me deixaram dormir toda a noite.  
Já Durão Barroso, apesar de ser co-responsável por tudo o que aconteceu e está a acontecer no Iraque, dormiu muito tranquilamente. Quando acordou, nem  viu as mãos cheias de sangue de vítimas inocentes. Tomou o pequeno almoço e foi fazer uns telefonemas  para saber qual o seu destino, quando abandonar  o lugar que lhe foi oferecido como recompensa por ter avalizado a invasão do Iraque, depois de servir de anfitrião ao acordo entre Bush, Blair e Aznar, e ter jurado  que tinha visto armas de destruição maciça! 
Os canalhas gostam sempre de se vangloriar que dormem o sono dos justos.


4 comentários:

  1. O Inferno de chamas e diabretes atormentadores não existe, mas os canalhas que destruíram o Iraque não escaparão ás consequências desse crime, pois a Lei de Retorno não falha, meu amigo!!

    Que haja Luz !

    ResponderEliminar
  2. Oxalá São!!!
    Ele, há tanta justiça por fazer, neste planeta e tanta manipulação a desfazer para abrir as mentes anestesiadas - de grande parte da sua população - pelos mesmos criminosos e genocidas bem colocados na vida!!!

    ResponderEliminar
  3. Vi uma imagem (foto) que me deixou tão horrorizado que não consigo ver estas imagens que aqui disponibiliza.
    Genocídio brutal, infame!

    ResponderEliminar
  4. Eu nem li todo o postal, porque fico com tanta raiva, por não poder espezinhar aquele cherne podre, pois foi graças à destruição do Iraque e de toda a civilização e mundo Islâmico, que aquele verme ganhou o lugar de comissário. E não sou com a São, não acredito em Retorno.
    Aquele malvado, assim como o Bush e o Blair, sempre viverão felizes para sempre, porque não têm consciência e não lhes falta nada. Quem lhes podia tratar da saúde a sério, como faz aos ladrões no seu país, era a Arábia Saudita. Mas essa está feliz e contente e fazendo para isto aconteça.

    ResponderEliminar