sábado, 12 de abril de 2014

Poema do cortador



Chamo-me Passos Coelho

Cortador de profissão
Corto ao jovem, corto ao velho,
Corto salário e pensão
Corto subsídios, reformas
Corto na Saúde e na Educação
Corto regras, leis e normas
E cago na Constituição
Corto ao escorreito e ao torto
Fecho Repartições, Tribunais
Corto bem-estar e conforto,
Corto aos filhos, corto aos pais
Corto ao público e ao privado
Aos independentes e liberais
Mas é aos agentes do Estado
Que gosto de cortar mais
Corto regalias, corto segurança
Corto direitos conquistados
Corto expectativas, esperança
Dias Santos e feriados
Corto ao polícia, ao bombeiro
Ao professor, ao soldado
Corto ao médico, ao enfermeiro
Corto ao desempregado
No corte sou viciado
A cortar sou campeão
Mas na gordura do Estado
Descansem, não corto, não.
Eu só corto
a Bem da Nação

17 comentários:

  1. Este poema já passou para papel e começa a andar de mão em mão: ainda moderam, mas eu já o conhecia...

    Amigo, bom resto de sábado

    ResponderEliminar
  2. Muito bom! Por inteiro e sem cortes:-))

    ResponderEliminar
  3. " os meus dedos acariciam, algo que me foi cortado, se não me ponho a milhas , fico....como o galo de Freamunde " COITADO.
    Como eu detesto este homúnculo..
    M.A.A.

    ResponderEliminar
  4. Seria boa ideia cortar-lhe qualquer coisinha, a ver se acalmava.

    ResponderEliminar
  5. Houvesse um bom cortador do talho que com o seu cutelo afiado lhe cortasse os... as vazas!!

    ResponderEliminar
  6. Melhor seria cortar-lhe Aquela coisinha, talvez nos deixasse em paz e fosse tirar o curso de corte e costura.

    ResponderEliminar
  7. Seria conveniente que o proprietário do blog indicasse pelo menos a origem do poema, ou será mesmo o seu autor?
    Já o conheço desde o dia 26 de Março.

    ResponderEliminar
  8. Seu, ou não
    Aplaudo a inspiração

    (embora demasiado fulanizado, para meu gosto)

    ResponderEliminar
  9. Sr. anónimo e 26 de Março. Que eu saiba isto apareceu no FB há imensos dias e nunca foi citado o autor, nem tão pouco foi escrito em itálico ou entre comas. Será que foi algum amigo do mesmo, que não teve coragem de o assinar, como fez a Saudosa Natália Correia ao Salgado? Se está tão impressionado com mais este roubo porque não revela as suas fontes? Eu não estou interessada em saber, porque só de ouvir falar ou ler o nome deste verme me dá vómitos.

    ResponderEliminar
  10. muito bom... continuo a dizer, "coelho só à caçador"...

    ResponderEliminar
  11. http://s3.amazonaws.com/cuttings/cuttingpdfs/68478/498034aaba7818186153c1659dc052b4.pdf.

    Foi juiz do Tribunal Constitucional durante 9 anos e há 16 anos que recebe choruda pensão...Esta senhora não vive acima das suas possibilidades. Nós é que vivemos quando pagamos uma pensão de mais de 7000 euros (há 16 anos!!!!, quando a "aposentada" tinha 42 anos)...Fazemos vida de ricos...é o que é!!!!

    ResponderEliminar
  12. Também já conhecia...quanto às aspas não me incomoda a sua não existência!

    ResponderEliminar
  13. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar
  14. Eu já conhecia este poema; chegou-me via net , como chegam a todos nós , que temos amigos , muita coisa. Não entendo as picuinhices com que algumas pessoas se prendem.Haja paciência.
    M.A.A.

    ResponderEliminar
  15. I have been exploring for a little bit for any high-quality articles
    or weblog posts in this kind of space . Exploring in Yahoo I at last stumbled upon this web site.
    Reading this info So i am happy to express that I've an incredibly just right uncanny feeling I discovered exactly what I needed.
    I so much definitely will make certain to do not disregard this web site
    and provides it a look on a continuing basis.

    Here is my web-site: Homes for sale in Boston

    ResponderEliminar