quinta-feira, 13 de março de 2014

Já não há cadeiras como dantes?

Não há melhor sinal que prenuncie o fim de um ciclo, do que ver o líder de um país a insistir que a razão está do seu lado, quando gente qualificada, dos mais diversos quadrantes político-partidários, lhe mostra que está errado. Salazar também  tinha sempre razão, até que uma cadeira cumpriu o  dever patriótico de o mandar bardamerda!
É melhor o senhor presidente do conselho ter cuidado  e ver onde se senta...

8 comentários:

  1. Olhe que tenho encontrado algumas no lixo aqui no bairro...só que não vivo em Massamá! :)

    ResponderEliminar
  2. Pergunto-me até que ponto, os que por aí andam, querem mesmo que ele caia

    ResponderEliminar
  3. Carlos já leu o ventríloquo José Gomes Ferreira?

    A começar pelo título, enfim. Não é o concordar, ou não, é o menosprezo pela experiência de vida de muitos dos subscritores do documento, é o evidente ataque à opinião diversa e, por outro lado, a clara demonstração que o pacóvio PM ( pelas críticas que fez sem ter lido o documento, pelos vistos) não quer consensos, aliás quer, mas a uma só voz. Como todos sabemos isso tem outra designação.

    http://sicnoticias.sapo.pt/opinionMakers/jose_gomes_ferreira/2014-03-12-carta-a-uma-geracao-errada

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Já tinha visto, sim, Lia mas de qualquer modo muito obrigado.
      Penso responder nos próximos dias. Ainda não o fiz, porque prefiro aproveitar a calma do fds para ser mais ponderado :-).

      Eliminar
  4. O homem, em Presidente da República,desde à muito,se vem tornando na causa principal, da maior desgraça da História do País que somos.

    O arauto mor,do pensamento único, e seus acólitos,serventuários e outros,estrebucham e esperneiam perante evidencias de fato, que destroem pelo desnudar e aclarar as mentiras monstruosas de que se alimentam na prossecução da destruição de um País e de um Povo.

    Quem não está com eles,está contra eles!Vai daí,à falta de argumentos,recorrem ao insulto e à badalhoquice comportamental.Não tarda nada;começam a mandar-nos prender,torturar e,se necessário,matar!

    ResponderEliminar
  5. O homem, em Presidente da República,desde à muito,se vem tornando na causa principal, da maior desgraça da História do País que somos.

    O arauto mor,do pensamento único, e seus acólitos,serventuários e outros,estrebucham e esperneiam perante evidencias de fato, que destroem pelo desnudar e aclarar as mentiras monstruosas de que se alimentam na prossecução da destruição de um País e de um Povo.

    Quem não está com eles,está contra eles!Vai daí,à falta de argumentos,recorrem ao insulto e à badalhoquice comportamental.Não tarda nada;começam a mandar-nos prender,torturar e,se necessário,matar!

    ResponderEliminar
  6. O homem, em Presidente da República,desde à muito,se vem tornando na causa principal, da maior desgraça da História do País que somos.

    O arauto mor,do pensamento único, e seus acólitos,serventuários e outros,estrebucham e esperneiam perante evidencias de fato, que destroem pelo desnudar e aclarar as mentiras monstruosas de que se alimentam na prossecução da destruição de um País e de um Povo.

    Quem não está com eles,está contra eles!Vai daí,à falta de argumentos,recorrem ao insulto e à badalhoquice comportamental.Não tarda nada;começam a mandar-nos prender,torturar e,se necessário,matar!

    ResponderEliminar
  7. O problema é que é fácil cair nessa tentação de dizer que muita da gentinha que está a assinar o Manifesto está também na origem da dívida.
    Demagogia?
    Sem dúvida.
    Realidade?
    Também!

    ResponderEliminar