quarta-feira, 12 de fevereiro de 2014

Girls! Girls! Girls!

O estudo da Universidade de Aveiro veio confirmar aquilo que uma pessoa minimamente atenta já sabe há muito tempo. A única novidade é que neste governo os jobs são , maioritariamente, para as girls. Lê-se o Diário da República e quase todos os dias há  palettes de gajas a ocupar lugares de chefia na Administração Pública. No entanto - importa dizê-lo-  há muita girl  afecta ao PS  nomeada por este governo para  lugares de chefia. Conheço algumas. Venerandas e obrigadas, fazem as delícias das tutelas, pelo seu espírito de missão: abnegadas e obedientes. 

3 comentários:

  1. Que tristeza, até S. pedro chora inconsolável e ininterruptamente...

    Quando é que esta pandilha .- reformado de Boliqueime incluído - pega a sério no drama do desemprego?!

    Uma vergonha Portas vir falar na descida do IRS para ano de eleições...Será que ainda exista quem vá nestas manobras de propaganda, amigo?!

    Pobre país!

    Fica o melhor possível, porque bem só os vigaristas que lucram com este descalabro!!

    ResponderEliminar
  2. Não me tinha apercebido das "girls", mas também não li toda as noticias sobre o tema... Uma vergonha de país!

    ResponderEliminar
  3. Adoro estes estudos, Carlos (há muitos por aqui também)
    Quanto é que se paga a uma instituição académica para dizer o que todos sabemos??!!

    ResponderEliminar