quarta-feira, 27 de novembro de 2013

Ena tantos submarinos!

Ainda sou do tempo em que Pedro Passos Coelho dizia que com o seu governo era tudo muito transparente. Ora vejam lá  os exemplos dessa transparência que o governo deu hoje:
- Recusou a ida do chefe das secretas ao Parlamento para explicar eventual cooperação com a NSA ( agência de segurança americana)
- Recusou a ida de Miguel Macedo ao Parlamento para se explicar sobre a manif dos polícias e consequente demissão do chefe da PSP
- O Presidente do IGCP recusou-se a dizer  quanto é que o governo conseguiu poupar com a liquidação/ renegociação dos contratos swaps.
Se acrescentarmos  a opacidade nos processos de privatizações e o "mistério" que envolve a venda dos CTT em bolsa, temos aqui um belo caldinho para quem vier a seguir. ( Ainda vamos ter mais casos como os dos submarinos... ai vamos, vamos!) 

Aos nossos amigos chineses


A China anunciou que vai lançar, na primeira quinzena de Dezembro, uma sonda espacial em direcção à Lua. A expedição tem o objectivo de deixar no nosso satélite  um veículo teleguiado que os chineses baptizaram de "Coelho de Jade".
Eu gostava de informar os nossos amigos chineses que por cá não temos coelhos de jade mas, com muito gosto, cederíamos o  nosso coelho dos Infernos. É um exemplar muito obediente- ao gosto do poder chinês- e um predador nato quando se trata de atacar animais indefesos. Tem um ódio visceral a trabalhadores, principalmente quando têm a mania de reivindicar direitos,a velhos e funcionários públicos, mas é extremamente dócil quando lhe acenam com uma cenoura em forma de molho de  notas.  Torna-se então servil e consegue mesmo rastejar, sendo por isso muito admirado por banqueiros e outros animais da alta finança. Gosta especialmente de corruptos.
Eu sei que este coelho dos Infernos tem um pequeno defeito genético: um problema mental - que toda a gente finge ignorar - tornou-o um animal vingativo, capaz de matar.
Como reconheço que produtos com defeito devem ter um desconto,  proponho-me custear  a viagem do animal até Pequim e entregá-lo em boas condições físicas para ser testado antes de o enfiarem na vossa nave espacial e o deixarem apodrecer no solo lunar.
Aceitem a proposta, vá!

Ó Portas! Não te esqueceste de ninguém?



"Uns dedicam-se  às exportações, outros a manifestarem-se"  disse Paulo Portas, o irrevogável aldrabão, aos jornalistas. 
Parece-me que Portas- agora preocupado em ser arrogante para desviar atenções  da sua infame falta de vergonha-  se esqueceu de mencionar outros casos relevantes de gente que não se dedica às exportações.Como os que se dedicam a roubar quem trabalha, os aldrabões como ele e ainda, por exemplo, os que gostam de ir à noite para o Parque Eduardo VII engatar travestys. ( Com ou sem cabeleira loira...)
Enfim, Paulo, cada um é p´ró que nasce e come do que gosta, por isso devias  pensar um bocadinho antes de cuspir para o ar porque, na queda, pode entrar-te alguma coisa no olho!

Those were the days (39)

Lou Lim Iok ( Macau)

Resumo do dia: os carcereiros

Os deputados da maioria comportaram-se hoje com o cinismo do carcereiro que chicoteia o condenado e lhe pede para sorrir.