domingo, 19 de maio de 2013

Os aperitivos também fazem parte uma boa refeição



Foi um fim de semana alucinante. Começou logo na sexta-feira à noite.
Às 21.30 lá estava eu sintonizado no Porto Canal para assistir ao Porto-Benfica em andebol, no Dragão Caixa. Para se sagrar campeão, o FC do Porto precisava de vencer por 3 golos de diferença. No fim da primeira parte perdia (12-13) mas, nos últimos 10 minutos do jogo os azuis e brancos foram demolidores, chegaram a ter vantagem de 4 golos e acabaram por vencer (26-23). O meu FC do Porto sagrava-se pentacampeão, feito só conseguido pelo SCP nos anos 50 do século passado.
Depois dos festejos, veio o sábado. Às 15 horas, no Dragão Caixa, o FC do Porto recebia o SL Benfica. O empate garantia-lhe praticamente o título, mas uma vitória permitia festejar antecipadamente. Foi o que aconteceu. Aos 5 minutos da segunda parte  o FC Porto já vencia por 7-1 e começou a festejar. Resultado final: 7-3. Os azuis e brancos  conquistaram o 11º título em 12 anos ( apenas não festejaram ano passado, por razões que nem é bom lembrar).
Sou portista do coração. Contido q.b., porque sei desde os 17 anos ( quando vim para Lisboa) que não é ser fácil ser portista em Lisboa, voltei a festejar.
Para o fim da tarde de hoje estavam reservadas as maiores emoções. O FC do Porto ia a Paços de Ferreira e só uma vitória lhe permitiria ser tri-campeão. Sei bem como é difícil ao FC do Porto vencer equipas do Norte no seu reduto, mas o FC do Porto  foi competente e venceu.
Os aperitivos ( andebol e hóquei em patins)  já me tinham deixado satisfeito. Os verdadeiros adeptos são como os bons gastrónomos: o importante numa boa refeição não é o prato principal ( neste caso o futebol). Os aperitivos,quando são de boa qualidade, deixam um apreciador saciado. O prato principal é apenas um complemento da refeição. Que por acaso me soube muito bem!
O Benfica, na Madeira, festejou o repasto antecipadamente, mas veio um Dragão e comeu-o. Jorge Jesus não gostou e recusou-se a dar os parabéns ao treinador do FC do Porto.
Nada de estranhar. Um grunho é sempre um imbecil

É sempre bom lembrar...


(recebido por e-mail)

Le premier bonheur du jour

Esta semana inspirei-me no Pedro Coimbra para vos desejar um domingo feliz. Foi no seu blog que vi este video espetacular: uma canção dos Bee Gees sincronizadamente dançada por Fred Astaire, Rita Hayworth e Gene Kelly.
Desfrutem e tenham um excelente domingo