sábado, 11 de maio de 2013

Não se preocupem... o Vítor vai ser despedido!


Só hoje ( escrevo este post na noite de quinta-feira) soube que o Benfica tinha empatado com o Estoril.  Tal como os benfiquistas também eu pensava que aquilo eram favas contadas e nem me procurei saber o resultado.
Parece que os benfiquistas andam muito preocupados e estão com medo de perder um campeonato que, em minha opinião, já está ganho desde o empate consentido pelo FC do Porto com  o Olhanense.
Quero sossegar todos os benfiquistas. A estatística demonstra que candeia que vai à frente alumia duas vezes e, por isso, o Benfica não sairá derrotado do estádio do Dragão, sendo mesmo muito provável que se sagre campeão nesta deslocação ao Porto, pois admito mesmo que os encarnados vençam o jogo desta noite. O pior que lhes poderá acontecer é conquistarem o título na última jornada, como aconteceu em 2010.
Quem deve estar preocupado é Vítor Pereira que, depois deste renascer de esperança entre os azuis e brancos, vai ter muitos mais adeptos a exigir o seu despedimento.
Aproveito para parabenizar todos os leitores benfiquistas e faço votos para que no final do jogo os responsáveis portistas saibam honrar o nome do clube, não apagando a luz, nem ligando as mangueiras, como fizeram os benfiquistas na época passada, quando o Porto foi vencer à Luz e sagrar-se campeão. Temos de mostrar que somos mais civilizados!
Não poderei ver o jogo, porque a essa hora estarei a viajar, mas ainda bem, porque assim não me irrito com as incidências  e  poupo o coração.
Querem saber uma coisa? Preferia que o Benfica tivesse ganho ao Estoril e arrumado com o título antes de se deslocar ao Dragão. Iriam mais descontraídos e talvez perdessem e, nesse caso, o FC do Porto continuaria a poder invocar aquela arbitragem de Capela no jogo com o Sporting que foi, afinal, um roubo de Igreja em plena Catedral.
Como, ao contrário do que acontece com muitos benfiquistas, não estou habituado a dizer que sempre que o SLB ganha, é porque foi favorecido pelos árbitros ( embora isso por vezes seja demasiado evidente…) renovo os meus parabéns e faço votos para que sejam muito felizes em Amsterdam.