quinta-feira, 7 de novembro de 2013

Foi por vontade dos deuses...

Ontem, em Atenas, o Benfica ( a jogar bem) lutou bravamente para continuar na Europa, mas teve contra si os deuses (e Roberto) e viu-se obrigado a dizer-lhe  adeus.
Hoje, em S. Petersburgo, o FC do Porto ( a jogar mal) teve a protecção dos deuses ( e de Hulk e Helton) e manteve-se artificialmente ligado à Europa.Todos sabemos que é uma questão de tempo, até à hora da despedida…
Percebessem os nossos governantes alguma coisa de futebol e saberiam que o nosso destino na Europa não depende de jogar bem ou mal. Depende, exclusivamente, dos deuses dos mercados. O problema é que o Paulinho já não pode entrar nas feiras, sem ser apedrejado, e o Pedro é apenas  um robô sempre pronto a obedecer às ordens.  Dispensava-se, por isso, a oferta em holocausto de milhões de portugueses à voracidade dos agiotas. O nosso destino está marcado, quer sejamos bons ou maus alunos. Apenas a vontade dos deuses ( dos mercados)determinará o nosso futuro. Infelizmente, para todos nós, o nosso governo ainda não percebeu e milhares de  portugueses continuam ligados à máquina, à espera do milagre.

1 comentário:

  1. As equipas portuguesas caminham para a Liga Europa, Carlos.
    Que, em boa verdade, é o lugar delas.

    Já o Paulinho, depois da figura triste que aqui fez, chegou a Lisboa e fez queixinhas.
    Parvalhão!

    ResponderEliminar