domingo, 9 de junho de 2013

Le premier bonheur du jour


Paul Gauguin - Natureza morta com leque (1889)

Às vezes, em dias de  luz perfeita e exacta,
Em que as cousas têm toda a realidade que podem ter,
Pergunto a mim próprio devagar
Por que sequer atribuo eu
Beleza às cousas.
Uma flor acaso tem beleza?
Tem beleza acaso um fruto?
Não: têm cor e forma
E existência apenas.
A beleza é o nome de qualquer cousa que não existe
Que eu dou às cousas em troca do agrado que me dão.
Não significa nada.
Então por que digo eu das cousas: são belas?
Sim, mesmo a mim, que vivo só de viver,
Invisíveis, vêm ter comigo as mentiras dos homens
Perante as cousas,
Perante as cousas que simplesmente existem.
Que difícil ser próprio e não ver senão o visível!
(Alberto Caeiro)

5 comentários:

  1. Bom domingo que vai quase em meio!
    Não conhecia o quadro que sinto ser lindíssimo mas já conhecia o poema publicado também com o outro "nome" Álvaro de Campos!

    ResponderEliminar
  2. Pessoa; sempre contraditório e insatisfeito!
    Se há beleza na arte de pintar uma tela de natureza-morta, que só passa a ser-inanimado, depois de colhida a flor ou o fruto - neste caso- como não encontra ele beleza enquanto os mesmos são seres vivos?
    É precisamente a cor e a forma que dá beleza às coisas!
    Um poeta não tem necessariamente de ter sempre razão. Ele usa apenas a sua razão, nada mais!
    Só concordo, na dificuldade que existe em ser 'próprio' e não ver para além do visível...sendo até isso compreensível, já que o visível é o que salta primeiro à vista!

    ResponderEliminar
  3. Gosto deste heterónimo que é de uma aparente simplicidade!

    ResponderEliminar

  4. Nunca gostei deste poema... talvez porque os meus olhos (principalmente os da alma) vêm beleza em tantas cousas...

    Pelos vistos também há novidades deste lado! Não me poderia ter "enganado na porta" duas vezes seguidas!

    É caso para dizer...
    https://www.youtube.com/watch?v=5SvIPyYveiw


    Beijinhos
    (^^)

    ResponderEliminar
    Respostas

    1. E a foto do head será do Douro Internacional, visto de Miranda do Douro?

      Eliminar