segunda-feira, 20 de agosto de 2012

Blog da semana

Quando era miúdo diziam-me que era feio ficar parado numa esquina. Só muito tarde percebi a bizarria. Vem isto a propósito de uma esquina que escolhi para blog da semana. ica no Algarve e gosto muito de parar por lá. À Esquina da Tecla, é o meu blog da semana.

Fim de semana alucinante!

Uns amigos encontraram-se nesta manhã de segunda-feira e quiseram saber como tinha sido o fim de semana de cada um. Aqui fica o diálogo, com fotos.
Então, Pítar que tal o fim de semana?
Baril, menes!  Quereis ver as fotos?
Mostra lá...
Topem só as garinas que conheci na sexta -feira à noite na discoteca! Sábado fomos todos almoçar, estás a topar, man?


Eh pá tem aí algumas giraças! Conta então. E depois?
-Ei, menes, aquelas garinas são bué de cultas e à tarde fui com elas até um museu para preparar o terreno, tais a ver? Tinha lá umas pinturas do caraças, menes! Foi muita giro!


Pois, estamos a ver!... E depois da seca, que fizeste? Papaste alguma?
Calma, menes!  Primeiro telefonei ao Freddy para se juntar a nós. Elas eram quatro e cá o man gosta de dividir. Fomos jantar a um sítio baril p'ra fazer clima, tais a topar? Ora topem lá...


Não ponhas mais na cartilha, Pítar, a gente já está a ver o filme todo...
Tá bem menes. Já vi que vocês estão a topar a cena toda. E como foi o vosso fim de semana?
Calminho... À tarde fomos com a Jojó até à praia curtir, porque estava um tempo do camandro Queres ver a foto?
Mostrem lá, menes...

E à noite fomos ver o basquete. Sabes que desporto é connosco. E valeu a pena porque foi um jogo baril...


Olhem, vêm aí a Licas  e a Fáfá.
Então, miúdas, como foi o vosso fim de semana?
Foi giro. A mãe da Licas emprestou-nos o carro e fomos dar uma volta para desanuviar...A malta também às vezes precisa de passear, apreciar a natureza e essas coisas todas, num é estar sempre enfiadas nas discotecas...
 E depois fomos jantar e pôr a conversa em dia. Vocês sabem que entre mulheres há sempre muitas conversas interessantes para pôr em dia...
Fosga-se! Estou a ver que só eu é que tive um fds à maneira. Engatei uma chinoca , levei-a a jantar e vocês já sabem que paleio de engronhanço é coisa que não me falta. O Zezé Camarinha que se ponha a toques, porque lhe roubo as camones todas. Olhem-me só p'ra isto! Voceses a chuchar no dedo e cá o je na maior a curtir com a chinoca!
Aviso: o texto é meu, mas as fotos foram-me enviadas por mail

Marcelino pão e vinho



Não me parece que  Marcelo Rebelo de Sousa tenha tido um encontro com  Jesus ( não o treinador do Benfica, mas o do Marcelino). Não me restam dúvidas é que  teve uma visão terrível nos últimos tempos, que o  transtornou: Durão Barroso e Marques Mendes, estão melhor colocados do que ele no ranking dos elegíveis pelo PSD para candidatos à Presidência da República em 2016!
Vai daí, Marcelo - que noutros tempos considerou Pedro Passos Coelho uma versão de Sócrates, mas  em versão piorada ( chegou a chamar-lhe contrafacção de Sócrates) - mudou radicalmente a sua postura nas homilias dominicais da TVI e passou ao ataque.
 De quando em vez manda uma ferroada a Durão Barroso, dizendo o óbvio : "o presidente da Comissão Europeia é invisível".
Em relação a Marques Mendes foi mais subtil: indigitou-o substituto de Relvas. Faria muito jeito a Marcelo colar o rival à desastrosa (des)governança da coligação...
Para Pedro Passos Coelho, Marcelo desdobra-se em mesuras. Ontem, chegou ao cúmulo de desculpabilizar  o desastroso discurso aos golfinhos no Aquashow, acusando o Álvaro de ter contrariado as previsões marcianas da retoma  em 2013, o que esvaziou o discurso positivo e encorajador de PPC. Não satisfeito, afirmou que o roubo de metade do 13º mês  em 2011 fora uma medida de Sócrates e Seguro nessa altura não se manifestara contra.
Talvez porque as reacções de muitos espectadores, indignados com tamanha alarvidade, tenham enchido a caixa de correio da TVI ( eu próprio, pouco afoito nestas coisas, enviei de imediato um mail para a TVI), Judite de Sousa deve ter sido soprada pela produção e lá contrariou a versão do professor, obrigando-o a desdizer-se no final do programa e pedir desculpa pelo lapso. Como se as pessoas fossem ingénuas e acreditassem que aquilo foi lapso!
Ai Marcelo, Marcelo, a continuares assim, bem podes vir a ter o beneplácito do PSD, mas nunca chegarás a ver  Jesus em Belém, porque os eleitores podem fazer-se desentendidos, mas não são burros.

Queres dinheiro? Vai ao Totta!

Há dias vi uma reportagem na televisão bem elucidativa da triste condição de ser tuga. Numa praia algarvia, havia avisos de derrocada de arribas, chamando a atenção dos banhistas. Indiferentes aos avisos, muitos estavam deitados na areia, aproveitando a sombra das arribas. Às perguntas da repórter, respondiam com sorrisos enigmáticos ou respostas parvas como  "é só um bocadinho, está muito calor. A gente sai já daqui."
Em 2009, na praia Maria Luísa, cinco pessoas indiferentes aos avisos de perigo,  morreram quando desabou parte de uma arriba.
Este fim de semana leio no "Expresso" que os familiares das vítimas pedem 900 mil euros de indemnização ao Estado. A título de quê? 
O despautério vai mais longe. Acusam um nadador salvador de nada ter feito para evitar a tragédia? Mas que podia fazer o nadador salvador? 
A resposta foi dada por um deles na reportagem que vi: " Não podemos fazer nada. As pessoas sabem os riscos que correm, nós avisamo-las, mas não as podemos obrigar a sair dali".
Não me interessa  agora discutir se as pessoas que não respeitam os avisos deviam ser coimadas, por estarem a colocar em perigo a sua vida. ( Legislação  aprovada pelo actual governo esabelece coimas para quem colocar em perigo a vida de menores de 13 anos, desrespeitando os avisos).
Importante é realçar a sem vergonha dos familiares das vítimas. Nem o facto de afirmarem que o dinheiro se destina a apoiar causas sociais reverte a seu favor. Acusar um nadador -salvador (que, pelo seu trabalho, até já foi condecorado) de ser responsável pela morte de gente irresponsável é, no mínimo, uma ignomínia.