quarta-feira, 13 de junho de 2012

Aqueles foram dias felizes...



Levantar, tomar o pequeno almoço e fazer uma caminhada ( ou passeio de bicicleta)  de três horas. Banho na piscina. Almoço. Leitura até às 18 e 30  e depois entregar o corpo ao SPA. Hidro massagens, duche escocês, massagens relaxantes.  Refeição ligeira, caminhada de 30 a 45 minutos, pausa na esplanada do hotel e depois escrita. Antes de adormecer, sublimar a vontade de ligar a televisão para ver as notícias, com  mais uns minutos de leitura. Não senti falta da Internet, apenas dos blogs.
Mais queijo, menos queijo, e sem incluir nesta ementa dois javalis que apareceram na piscina para nos cumprimentar, foi  com esta dieta diária que me preparei em Monfortinho, durante cinco dias, para enfrentar a Rio+20. Estou recomposto, creio ter adquirido as reservas físicas, mentais e anímicas necessárias.  Desta vez o palco não será o Parque Flamengo, como em 1992, mas sim o Parque dos Atletas mas, como em 1992, Copacabana estará cheia de militares a patrulhar as ruas.Há que estar preparado…

Um mundo melhor é possível



Começa hoje a Cimeira Rio+ 20. Não são esperados grandes avanços em matéria de política ambiental, num mundo submisso ao poder dos mercados. De qualquer modo, é sempre bom lembrar que foi precisamente há 20 anos que na mesma  cidade do Rio de Janeiro foi assinada a Agenda 21 e se deu um passo decisivo para um mundo mais sustentável.
Uma boa parte do mundo nunca acreditou na  aplicação da Agenda 21, mas  o mundo seria hoje muito diferente e  ainda mais perigoso se aquele acordo não tivesse sido alcançado. Tenhamos por isso esperança. Até dia 24 ainda podemos ter algumas surpresas e eu aqui estarei para vos trazer (boas?) notícias.