quinta-feira, 10 de maio de 2012

OK Teleseguro? Daqui (já não) fala a Marta!

Há dias, gozei aqui com Sócrates por ele ter considerado os call centers uma profissão de futuro. Chegou o momento de me penitenciar e reconhecer que o ex-primeiro ministro tinha razão.
Com efeito, li no "Expresso" que a famosa Marta  do " Ok Teleseguro, daqui fala a Marta" é, agora, assessora de Pedro Passos Coelho e faz  mesmo parte do seu inner circle.
Segundo o "Expresso", Marta é a responsável pelo vestuário e "look" do primeiro ministro, o que me leva a duvidar das suas qualidades profissionais. Uma boa  conselheira de imagem deveria prestar mais atenção àquele corte de cabelo, que confere ao PM um ar aparolado.
Pronto, Marta, estás perdoada, não há milagres para transformar um dandy da Porcalhota em galã de cinema, ou figura de jet set.

9 comentários:

  1. Caro Carlos,

    Como se diz na gíria "you can take the girl out of the trailer park but you can't always take the trailer park out of the girl". Portanto, nem que a Marta se esgane toda, dos ares de parolo o nosso Primeiro nunca se há-de safar. Benza-o Deus, coitadito.

    ResponderEliminar
  2. Como deve ganhar bem deveria aprimorar-se mais...ou então a miúda não tem a culpa porque o manequim é um caso perdido! :-))

    ResponderEliminar
  3. Pobre Marta: a beleza dela não passa por contágio, né?

    Tudo de bom.

    ResponderEliminar
  4. Como já está dito acima, podemos tirar o homem de Massamá, mas vai ser dificil tirar Massamá do homem...!

    ResponderEliminar
  5. Concordo com a Safira: não há nada que a Marta possa fazer! :)

    ResponderEliminar
  6. Nunca percebi nem perceberei o que viram na Marta. Estava longe do meu "conceito" de beleza feminina. Era uma miúda gira com voz adocicadamente irritante , ao estilo tia, perdão sobrinha, que acabou a trabalhar para o governo. Isto diz tudo acerca do seu talento.

    ResponderEliminar
  7. E eu que tenho a desdita de morar em Massamá...
    Oh homem, desanda daqui, leva a Marta, mas não poluas o ar...

    ResponderEliminar
  8. Eu voto: NÃO ao preconceito!
    Ser incompetente é criticável.
    Ser, baixo, feio, gordo ou careca não é.
    xx



    ResponderEliminar
  9. Ela é assessora, não é o Roque Santeiro :))

    ResponderEliminar