sábado, 19 de maio de 2012

À noite, digo-te por música

Afinal , depois de ter negado as ameaças à jornalista do Público, Relvas acabou por pedir desculpa.Um verdadeiro Tom Jones da política este Grass. Ora leiam  o que escreve o "Público" e tirem as conclusões sobre  este escroque que desempenha o cargo de ministro e é braço direito de Pedro Passos Coelho.
Será que Adolfo Mesquita Nunes, um dos promotores da manif em defesa da liberdade de expressão, agora deputado do CDS/PP e Pedro Correia, fervoroso apoiante contratado como especialista no gabinete de Relvas, vão convocar nova manif? E o Crespo como reagirá?
Casos de coerência a seguir com atenção nos próximos dias.

3 comentários:

  1. Por muito menos que isto, já muitos ministros decentes, pediram a demissão.
    Como este é um palhaço, pede desculpa e segue o seu caminho, com a bênção do "patrão"...
    Tenha vergonha, homem, e assuma que é um escroque!

    ResponderEliminar
  2. Vergonhoso! E o pior é que já começa a ser banal.

    bjs

    ResponderEliminar