segunda-feira, 23 de abril de 2012

Figura da semana


A decisão da Associação 25 de Abril merece o meu fervoroso aplauso. Pactuar com gente que vende o país a pataco e ameaça com a polícia, para tentar desmobilizar  a manifestação, seria vergonhoso. A dureza das palavras de Vasco Lourenço permite acreditar que ainda há homens neste país que recusam vergar-se diante dos colonizadores e dos seus súbditos instalados em S.Bento.
Espero que os portugueses demonstrem o seu  apoio a esta decisão, comparecendo em massa na manifestação e mostrando a este governo que é imune às ameaças e provocações. Se este governo pensa que chegou a altura de malhar na esquerda, este é o momento adequado para os portugueses mostrarem que não têm medo das ameaças desta corja que se escuda atrás da polícia, para lançar o medo.

12 comentários:

  1. Carlos
    Sente-se sempre uma boa sensação ver que há gente que ainda os tem no "sítio". Aplaudo!
    Pena que uma certa esquerda cada vez mais "insegura" do seu papel não veja exemplos deste calibre.
    Abraço
    Rodrigo

    ResponderEliminar
  2. Não sei quem é o cavalheiro lá em cima, mas olhando bem para ele, ninguém acredita que há crise em Portugal e, que o custo dos alimentos tenha subido assim tanto.

    ResponderEliminar
  3. Publiquei hoje, lá no meu "canto", o meu dia 25 de Abril de 1974. Raramente, após esse ano, voltei a festejar Abril na rua. Mas, no momento que atravessamos, lá estarei, junta com o povo, a mostrar o meu descontentamento com o rumo que este país está a levar.
    Apoio, sem sombra de dúvida, os militares,incluindo o grande capitão de Abril que foi VASCO LOURENÇO.

    ResponderEliminar
  4. Infelizmente, o medo não é somente implantado por essa via, há aquele alarmismo constante das empresas fecharem, as leis laborais serem cada vez mais restritas e fazendo tábua rasa dos direitos dos trabalhadores, enfim, o desemprego apontado a dedo a todos aqueles que tentem protestar...

    Mas pronto, ainda bem que há homens como Vasco Lourenço, que dizem o que têm de dizer, sem papas na língua! :)

    ResponderEliminar
  5. Meu amigo:

    Só espero que mais vozes se revoltem!
    Temos que marcar posição e mostrar que de novo
    O POVO UNIDO JAMAIS SERÁ VENCIDO!

    beijinhos

    ResponderEliminar
  6. Lá estaremos! O Soares e o Alegre também não vão, logo que souberam da decisão da A25 Abril. Chegou altura de separar o trigo do joio.

    ResponderEliminar
  7. É pena haver em Portugal pessoas que não saibam quem é Vasco Lourenço e o confundam com pessoas exactamente no campo oposto.
    Talvez por isso mesmo, nós estamos como estamos.

    ResponderEliminar
  8. Epá se o homem não tem papas na língua então que diga quais foram as reais motivações de quem fez o 25 de Abril…a questão da progressão na carreira dos milicianos em detrimento dos oficias de carreira á custa das comissões no ultramar…pois …com medo de ir para a guerra enviavam os milicianos que as tantas os começaram, a ultrapassar na carreira… alguns chegaram a generais e nunca passaram pelo ultramar apesar de na altura já serem oficias ( de boas famílias claro)
    Que fale também do implícito apoio da NATO ao golpe do 25 de abril …e das tropas estacionadas á entrada do tejo para intervir se as coisas desses param o torto…das conversações com a CIA na véspera do golpe…do conhecimento prévio do Spinola que só iria intervir se o golpe triunfasse … (quanto não vale jogar pelo seguro…)
    Que admita o Marcelo Caetano apesar de ser pressionado pela PIDE e por alguns regimentos que lhe estavam fieis nunca aceitou lançar portugueses contra portugueses e preferiu abdicar apesar de que se desse a ordem o golpe fracassava ! Pois ! fracassava …pois quem organizou o golpe esqueceu-se de que os militares revoltosas todos mal preparados sem experiencia de combate sem mantimentos nem munições nem combustível e sem plano de contingência para manter uma linha de abastecimento…
    Se foram heróis que agradeçam a quem na altura detinha o comando de forças muito superiores e teve o bom senso de não usar da força, chama-se Marcelo Caetano e as suas teorias de Direito ainda hoje são estudadas nas nossas universidades ( e nunca virou a casaca)
    Ahhh mas isso é passado! Pois é… mas no presente os militares quando se manifestaram recentemente RECUSARAM manifestar-se em conjunto com os polícias? Para depois virem clamar que os policias oprimem os povo ( o bom povo) e as Forças Armadas lá estão para defender o povo , tentam arranjar um “inimigo” artificial para poderem justificar a sua utilidade ao povo , Que seja honesto e admita que as forças armadas recebem vencimento por uma tabela superior ás das policias contrariando o prometido pelo governo . O fantasma do polícia mau para cair nas boas graças do povo…tão maus que qualquer dia começam a cair de subnutridos que andam.
    Recordo as palavras do meu professor de Historia do secundário: “ a História não é bem como nos contam!
    Não sou saudosista nem salazarista nem qualquer outra coisa terminada em “ista” apenas sou alérgico a aldrabões!

    ResponderEliminar
  9. Haja alguém que desmascare este governo com autoridade para tal!

    ResponderEliminar
  10. eu não aplaudo!

    aposto que, se não tivesse existido determinados cortes nas pensões estariam lá todos.

    ResponderEliminar
  11. Juntam-se agora Mário Soares e Manuel Alegre.
    Respeito.
    Não vejo qualquer utilidade.

    ResponderEliminar