segunda-feira, 28 de novembro de 2011

Elas vêm aí!...

Leio e não acredito! No âmbito do novo Plano Nacional para as Alterações Climáticas, a ministra Cristas anunciou que o governo está a ponderar a introdução de portagens urbanas.

Sou, desde há muito, favorável à introdução de portagens nas cidades, pelas razões que expliquei aqui. Nessa altura, aventei a hipótese de a sua concretização, em Lisboa, ser anunciada até 2013.

Não me parece, no entanto, que essa medida deva ser aplicada pelo governo, mas sim pelas autarquias, revertendo parte das receitas para as empresas de transportes públicos. Vir uma ministra anunciar que pondera tomar essa medida, não é apenas desrespeito pelo poder autárquico, é admitir que o governo se prepara para encaixar mais receitas à custa do zé pagante e das câmaras municipais.

E já agora, diga-nos lá, senhora ministra: quais são as cidades onde o governo pondera introduzir portagens?

Upgrade colossal

Pedro Mota Soares, o ministro da Vespa, anda agora montado num carro de 86 mil euros, novinho em folha. O seu amor às duas rodas durou ainda menos tempo do que a paixão de Pedro Passos Coelho pelas viagens em classe económica.

Como diria o outro, este é um governo diferente. Só falta perceber em quê.Talvez na publicidade enganosa...

Entretanto, a escarreta com pernas que ganha a vida como especialista no gabinete de Relvas, já publicou um comunicado num dos blogs oficiosos do Coelhismo. Defendendo, obviamente, o ministro que marca a diferença e esquecendo os argumentos com que torpedeava Sócrates. As lambideiras nunca têm vergonha.

Arte com sentido crítico (8)



Google "ressuscita" o Alf




Lembram-se do Alf? Ainda recentemente me proporcionou boas gargalhadas, enquanto revia, na RTP Memória, alguns episódios.

Pois o Alf está a preparar o regresso em grande. Não virá em formato de série televisiva, nem com aquela imagem de peludo extra-terrestre a que nos habituámos, mas promete prolongar a sua irreverência, surpreendendo quem com ele conviva.

O Alf que aí vem é um robô, está a ser criado num laboratório "clandestino" da Google em Sillicon Valley e, como se podia ler no DN do último sábado, será capaz de satisfazer os pedidos mais estranhos. Querem exemplos? Então aqui ficam alguns:

Encomendar comida pela Internet quando o frigorífico está vazio; publicar numa rede social aquilo que você está a comer à hora do jantar ou, cereja no topo do bolo, ir trabalhar enquanto você fica em casa descansado a fazer o que lhe apetece. Talvez nessa altura arranjar um emprego seja tão difícil como acertar no Euromilhões, mas pelo menos o robô pode ajudá-lo a fazer o curriculum e a pesquisar as ofertas de emprego que vão surgindo, adequadas às suas capacidades.

Nada, afinal, que o ALF não fosse já capaz de fazer, como muito bem sabe quem acompanhou a série.

Prova de fogo

Hoje há eleições no Egipto. Dia importante para ficarmos a saber se as flores da Liberdade floriram na Primavera árabe ou se definitivamente murcharam, anunciando um Outono precoce.

Blogue da semana

Tem um novo visual, o Pássaro Azul que no seu voo anima a blogosfera. Mas não foi por isso que o escolhi para blog da semana. Foi pela sensibilidade da autora, que diariamente nos presenteia com posts belíssimos.
Roubo-lhe o título do blog para vos pedir apenas cinco minutos para uma visita ao "Só te peço 5 minutos" a escolha desta semana, aqui no CR.