sexta-feira, 18 de novembro de 2011

Ministra dá razão a Pinto da Costa

Pinto da Costa sempre esteve à frente do seu tempo. Quando falava de fruta, sabia como era importante para a alimentação dos árbitros. A ministra Cristas não sabe o preço da fruta, mas ao reconhecer a sua importância, está a homenagear Pinto da Costa.


Entretanto a mesma senhora anunciou a introdução de (mais) uma taxa sobre a carne que "vai onerar um bocadinho o consumidor".

Talvez um dia Cristas faça como a outra que ficou sem cabeça e, à falta de pão, nos mande comer brioches.

Arte com sentido crítico (5)




Os portugueses são como os macacos



Governo anuncia medidas de combate ao desemprego



Aos poucos, o governo vai encontrando soluções para reduzir o desemprego. Depois de Mestre e Relvas terem aconselhado os jovens a emigrar, o secretário de estado do (des)emprego sugere que se despeçam os velhos, porque são um empecilho para os jovens. que querem trabalhar.

Entre as medidas a aprovar para combater o desemprego , o governo admite a criação de Gulags, onde os velhos serão reunidos para lhes ser administrada a injecção atrás da orelha. Com esta medida, o governo pensa poupar 3 mil milhões de euros no pagamento de reformas.

Outra medida em discussão no conselho de ministros é servir criancinhas ao pequeno almoço às famílias carenciadas, acabando assim com os problemas da fome. Nuno Crato pensa que a medida permitirá poupar pelo menos 750 milhões de euros por ano na educação.

Mas nem tudo foi pacífico na reunião do conselho de ministros . O Álvaro reagiu violentamente contra a proposta do ministro Gaspar, que pretendia instalar câmaras de gás nas capitais de distrito. O ministro da economia, do emprego e não sei que mais, defendeu que isso representaria uma despesa que o governo não está em condições de suportar.

Já o ministro da saúde alertou os seus pares que precisaria de uma verba extra para a compra das injecções letais a administrar aos velhos, caso contrário, a única solução posível será dar formação aos enfermeiros para que todas as noites desliguem as máquinas a que os doentes em estado mais grave estejam ligados.

Pedro Passos Coelho, acabado de chegar de Angola, aproveitou o tempo de escala antes de partir para o Dubai para assistir à parte final da reunião. Na sua intervenção foi peremptório: o país precisa de medidas radicais, não está em condições de esperar que os velhos estejam ligados às máquinas para se desfazer deles.

Terminada a reunião do conselho de ministros, Pedro Mota Soares disse à comunicação social que as medidas anunciadas respeitam a ética social e são equitativas. Questionado pelos jornalistas sobre a data da entrada em vigor das medidas, Mota Soares nada adiantou, dizendo que estava com pressa, pois tinha de dar boleia ao ministro Gaspar. E lá partiram os dois no novo tuctuc, de Mota Soares, ( ver foto acima) escoltados pelos batedores da GNR que hoje estrearam as suas moderníssimas Segway.

Oeiras, terra de oportunidades

Junto vos envio um bilhete postal de Oeiras, "terra de oportunidades". Pelo menos para Duarte Lima e Isaltino...

Grandes Bandas (39)

Estes meninos ainda andam por aí, mas fui buscá-los aos 70's quando ainda eram experimentalistas :-)))