quarta-feira, 10 de agosto de 2011

As praias da vida dos outros (13)




A Gabi devolve-nos ao Norte na evocação das praias da sua vida, mas termina o périplo num areal imenso bem a sul, onde a grande dificuldade é mesmo encontrar o mar. Sigam viajam com ela, por aqui...

3 comentários:

  1. Carlos
    De facto é um desafio espectacular este que o Carlos lançou, muitos parabéns.
    Acredito que todos nós temos boas recordações, ou não, de várias praias, mas existe sempre aquela nossa prainha.
    Fui ler a estória da Gabi, quantas situações deste tipo não passamos já.
    E lembrei que na minha prainha eu um dia sem saber nadar atirei-me ao mar para salvar uma criança de 3 aninhos, consegui manda-la para fora da água mas o pior é que vi a coisa preta pelo meu lado, foram pescadores que me tiraram, se eles não estão por perto, era uma vez....
    Abraço

    ResponderEliminar
  2. Amigo Carlos
    Eu já perdi a paixão doutrora pelas praias, apesar de ainda me apetecer muito nelas passear ao findar do dia com o sol a mudar de cor e a perder-se no fim do mar.
    Agora, já no outono da vida, prefiro também a calmaria dos bosques e a frescura da montanha.
    Quem como muitos de nós já conhece praias em quase todas as latitudes fica sem saber qual é a praia da sua vida.
    Abraço amigo

    ResponderEliminar
  3. :) Gostei muito da fotografia do deserto.
    um beijinho
    Gábi

    ResponderEliminar