segunda-feira, 23 de maio de 2011

Devíamos pensar nisso mais vezes...



É curta a distância entre a glória e a vergonha.

9 comentários:

  1. Sim, neste caso à distância de uma braguilha.

    ResponderEliminar
  2. NINGUÉM CONSEGUE SER 100% OBJECTIVO!!!

    A fotografia deste tarado sexual mostra o seu lado de chocolate.
    Há outras fotografias que mostram melhor a perversidade deste homem.

    MAS O CARLOS ESCOLHEU ESTA!!!

    Há também fotografias da Angela Merkel que a mostram como uma mulher inteligente e a mais poderosa do mundo.

    MAS O CARLOS ESCOLHEU UMA OUTRA!

    ResponderEliminar
  3. Não entdo é como este predador chegou à glória!!

    ResponderEliminar
  4. Entre esta foto e a imagem que me ficou na mente quando este senhor apareceu pela primeira vez no tribunal – barba por fazer e ar cansado e acabrunhado – há um abismo. Perguntei-me na altura se o novo visual não teria sido resultado de qualquer estratégia do advogado de defesa...

    ResponderEliminar
  5. Isso é uma coisa que já aprendi há muito... e a sabedoria popular também, the bigger they are, the harder they fall... ou quanto maior a altura, maior é a queda! O povo nestas coisas, nunca se engana!! beijo

    ResponderEliminar
  6. Nunca uma verdade foi tão real, agorinha mesmo aqui ao meu lado, uma pessoa que foi anos e anos prepotente esqueceu-seq ue não era o dono, era tão só um empregado com o todos os outros está a cair...

    MEDO!

    ResponderEliminar
  7. Até que fazia uma piada com o fundo internacional, mas é melhor ficar por aqui.

    ResponderEliminar
  8. Ematejoca e Catarina:
    Não podia escolher uma daquels fotos degradantes após a prisão. Aliás, já escrevi sobre as fotografias exibias nessa altura, qu achei de muito mau gosto

    ResponderEliminar
  9. A fotografia da Angela Merkel também a achei de muito mau gosto, meu caro Carlos!!!

    ResponderEliminar