quinta-feira, 21 de outubro de 2010

Noites europeias

Comecemos pelo fim. O Sporting cilindrou uns belgas toscos, traídos por uma Lei Bosman que desvirtuou as regras do futebol europeu, reduzindo um país com tradições futebolísticas a parceiro de circunstância.
Ontem, o SLB – que a imprensa desportiva garantia ir deslumbrar a Europa -fez exibição miserável e perdeu, inapelavelmente, com um Lyon enfraquecido,por 0-2. Nem as bravatas do seu Jesus redentor evitaram a humilhação.
Na véspera, um Sporting de Braga retraído venceu uns sérvios aguerridos. A magia do futebol falou mais alto. Depois de terem sido derrotados pelo Shaktar, num jogo que poderiam ter ganho facilmente, os bracarenses ganharam um jogo onde a felicidade lhes sorriu.
Finalmente, na tarde desta quinta –feira, um FC Porto personalizado e mandão, que terminou o jogo com nove, venceu de forma autoritária o Besiktas,em Istambul. Um árbitro simbolicamente vestido de vermelho, bem tentou contrariar a supremacia portista, mas os bravos vestidos de azul e branco demonstraram que, desde que não haja na Europa um Vítor Pereira travestido de independente, nem um proto juiz que usa os túneis para fazer malabarismos e adulterar a verdade desportiva, é capaz de enfrentar todas as adversidades.

Assim nasce um boato


A maioria das pessoas já percebeu que recebe, diariamente, mails cujo único objectivo é lançar um boato ou criar confusão. Não sei se já vos disse, mas há “empresas” (?) que pagam a “criativos”(???) para lançarem boatos na Internet, através de e-mails cuja redacção pareça fidedigna.
A dificuldade em determinar as origens desses mails tem permitido aumentar exponencialmente a circulação desses boatos que , não raras vezes, são ataques comerciais de uma empresa sobre a concorrente. Muitos destes mails estão bem elaborados e é difícil detectar a fraude. Não é o caso deste que ontem recebi e de imediato percebi ser falso, pois tem uma incorrecção grosseira, facilmente detectável. Desafio-vos a detectarem o erro grosseiro de que falo. É muito fácil, asseguro-vos.
“O Hospital da Luz exigiu 2000€ a uma pessoa para ser internada de urgência!
SAÚDE: Lei Sobre o Depósito de Valores nas Clínicas Privadas, Antes do Internamento.
Foi publicada no DIÁRIO DA REPÚBLICA em 09/01/02, a Lei nº 3359 de 07/01/02, que dispõe:
Art.1° - Fica proibida a exigência de depósito de qualquer natureza, para possibilitar internamento de doentes em situação de urgência e emergência, em hospitais da rede privada.
Art 2° - Comprovada a exigência do depósito, o hospital será obrigado a devolver em dobro o valor depositado, ao responsável pelo internamento.
Art 3° - Ficam os hospitais da rede privada obrigados a dar possibilidade de acesso aos utentes e a afixarem em local visível a presente lei.
Art 4° - Esta Lei entra em vigor na data de sua publicação. Não deixe de reenviar aos seus amigos, parentes e conhecidos. Uma lei como esta, que deveria ser divulgada, está praticamente escondida da população! E isso vem desde 2002. Estamos em 2010...!!!”
Assim se levantam suspeitas sobre a seriedade de uma empresa, se lança uma campanha de desinformação e se dissemina um boato na opinião pública, na mais completa impunidade.

Casa dos Segredos (2)

Ouvido no Metro:
-Qual é a semelhança entre o caderno de classificados do DN e a Casa dos Segredos?
- Ambos fazem publicidade a bordéis...