terça-feira, 12 de outubro de 2010

E esta, hem?

Só venho para vos dar uma notícia que a imprensa portuguesa ( sempre tão preocupada com os ditadores sul-americanos) provavelmente não dará, porque não interessa nada... Então aqui vai:
Vários organismos internacionais, incluindo a ONU, acabam de reconhecer que Hugo Chavez foi o líder latino-americano que, nesta década, mais combateu a pobreza e mais conseguiu reduzir as desigualdades. Apenas um exemplo: quando Chavez subiu ao poder, a percentagem de lares abaixo do limiar de pobreza era de 54%. Em 2007 era de 37, 9%.
Já agora, aproveito para informar que o último relatório do PNUD referente ao Indice de Desenvolvimento Humano (IDH) revela que, em 2007, a Venezuela ultrapassou países como o Brasil, Colômbia e Peru, na América do Sul, ou Rússia, Turquia, Roménia e Bulgária,na Europa, ocupando a 58ª posição. Em 1999 ocupava a 69ª posição.
Grande chatice para os jornalistas do internacional da nossa imprensa não é? Pronto, ponham lá uma notícia a criticar Chavez por ter encerrado mais uma televisão, porque isso é que é verdadeiramente importante. A redução da pobreza que se lixe! ( apesar de este ser o Ano Europeu de Combate à Pobreza e Exclusão Social)