sábado, 4 de setembro de 2010

Comunicação ao país dos blogs

Ora então, como estava prometido, aqui está o chá, acompanhado de uns bolinhos. Sentem-se, estejam à vontade e sirvam-se sem cerimónias, porque tenho uma importante comunicação a fazer-vos, que espero tenham paciência de “ouvir” até ao fim.
O CR comemora hoje o seu terceiro aniversário. Não sei se é muito ou pouco, na vida de um blog, mas sei que para mim, habituado durante quase toda a vida a mudar de emprego de três em três anos, manter um blog durante três anos é um feito histórico.Comecei a escrever num período em que o trabalho era escasso, sem grandes expectativas de continuidade. Durante alguns meses estive por aqui sozinho, os visitantes eram poucos, davam uma olhadela e saíam sem uma palavra de incentivo, nem sequer cumprimentar.
Com a chegada da Primavera os vistantes começaram a afluir com mais frequência. Passaram a deixar sinais escritos da sua passagem, saudando e fazendo comentários. No dia do primeiro aniversário houve festa rija no Guincho, com as pessoas a chegar em limousines. Houve muita música, correu champagne e houve festa até às tantas. Nessa altura já pertencia a um blogobairro onde se foram tecendo amizades virtuais que falavam como bons vizinhos e se cumprimentavam diariamente.
No segundo aniversário, além da festa, houve fogo de artifício e a participação de muitos convidados vindos do outro lado do Atlântico. Desde então, a afluência não tem parado de crescer e, como já ontem vos disse, o mês de Agosto foi o mais frequentado de sempre, na vida deste Rochedo.
Tudo se conjugava para que a festa do terceiro aniversário fosse ainda mais retumbante do que as anteriores. Acontece, porém, que o ano 2010 foi um "anno horrobilis" e não vou poder estar presente, porque parti há umas horas do Rochedo, para uma viagem sem regresso marcado. Peço desculpa a todos por ter partido à francesa, sem ir a casa de cada um de vós para me despedir. Não foi possível de todo e eu também detesto despedidas.
Como vos disse, não sei quanto tempo irá durar a minha ausência. Se vão ser semanas ou meses. Espero voltar. Ou aqui, ou a um outro Rochedo ancorado noutras águas mas, se mudar definitivamente de endereço, não deixarei de vos indicar aqui a minha nova morada. Ainda não parti e já sinto imensas saudades do contacto diário que tenho mantido com todos vocês. Não se trata, porém, de uma despedida. Voltaremos a encontrar-nos aqui ou em qualquer outro lugar, dentro de algumas semanas ou meses. Obrigado a todos pelo carinho e amizade que me dispensaram e pela forma como contribuíram, com críticas e incentivos, para tornar este CR uma parte de mim. Dois mil setecentos e cinquenta posts e 180 mil visitas depois( (125 mil nos últimos 20 meses) é altura de fazer uma pausa e dizer "Hasta siempre"!
E agora, se me dão licença, vou aqui beber um pouco de Mate, porque tenho a garganta seca.

Hasta la vista!