sábado, 6 de novembro de 2010

Negócio de oportunidade

Há quem saiba explorar as oportunidades de negócio criadas pela depressão que assola o país. É o caso de Luís Vitorino que abriu, em Cascais, uma "Smart shop". Lá podemos comprar magic mushrooms, incensos afrodisíacos, ervas e chás que nos ajudem a alucinar, dentro da maior legalidade. " Alucina a tua mente" é o convite que nos faz este empreendedor que não esconde o sucesso do negócio.

10 comentários:

  1. "Alucina a tua mente"? Será que não haverá demasiados políticos a frequentar a loja? ;)))

    Bjos

    ResponderEliminar
  2. Gostei deste comentário de Isa GT! LOL.
    Minha amiga, não é permitido aos empresários de lojas abertas ao público, impedir a entrada a clientes, sem justa causa (creio eu!) e esses, os políticos, andam disfarçados como se, para eles, fosse carnaval todos os dias. Amigo empresário, é melhor que venda, também, "Reformadores de Consciências", assim dará "uma no cravo e outra na ferradura" e o Zé Povinho ficar-lhe-á muuuuito grato.

    ResponderEliminar
  3. A mim basta-me ouvir os noticiários para ficar completamente alucinada, com ataques de agressividade e tudo...

    ResponderEliminar
  4. OLÁ CARLOS

    Gostei de ter a sua visita e de saber que já viveu em Zagreb.

    Assim aos poucos eu também vou conhecendo mais um cantinho do mundo e em todos eles há a sua particular beleza.

    Gostaria de saber qual a sua opinião sobre o "cemitério" de Zagreb, pois é aconselhado a ser visitado pelos turistas, concorda?

    Sobre o seu post...o que é que nos dias de hoje, não nos deixa alucinados?...aqui e em toda a parte do mundo; os noticiários assustam os mais destemidos.
    Já desisti de estar 50 minutos em frente ao televisor a ouvir aquilo.

    Bom fim de semana.

    ResponderEliminar
  5. Faça-me um favor, envie-me a morada por e-mail, please....!!!

    Beijinho

    :))

    ResponderEliminar
  6. Que título forte!!! Como se já não
    andasse tanta gente alucinada!!!

    ResponderEliminar
  7. Mas já não andamos alucinados? Parece-me!

    ResponderEliminar
  8. Acho que está resolvido o problema da bebida...mas eu te juro que nunca vi isso , nem aqui no Brasil, assim de forma tão "legal".

    ResponderEliminar
  9. Nao tarda muito vai ter coffeshops em cada esquina.

    ResponderEliminar
  10. Acho que esse negocio vai definhar... Há lá maior agente alucinógenio do que o quadro político e económico do nosso pequeno país? A concorrência assim é desleal e o povo não vai aguenta tanta oferta...

    ResponderEliminar