segunda-feira, 23 de agosto de 2010

Pedro e o Lobo*

A OMS declarou o fim da pandemia de Gripe A. No dia seguinte era anunciada a chegada iminente de uma superbactéria resistente a todos os antibióticos existentes no mercado. Alguns dias depois, um cidadão paquistanês era anunciado como a primeira vítima da bactéria na Europa. Adivinhem lá quem vai descobrir o antibiótico milagroso que há-de derrotar esta superbactéria. Os laboratórios são uns sortudos. Todos os anos ganham o Euromilhões!

* Espero que entre os responsáveis da OMS haja alguém que se recorde da história de "Pedro e o Lobo". É que com a saúde não se brinca, tá?

4 comentários:

  1. Há uns tempos chegou-me um email com uma história estapafúrdia sobre as farmacêuticas e como elas espalham certos virus, para depois lucrarem com a venda do "antídoto."
    Isto pareceu-me muito hollywoodesco, mas às vezes penso que talvez não seja uma teoria assim tão estapafúrdia.
    No creo en brujas, pero que las hay, las hay!

    ResponderEliminar
  2. Mas eles andam mesmo a brincar com a nossa saúde! E ganhando milhões à conta dos boatos que conseguem divulgar na comunicação social...

    Curioso que pelo título pensei que o assunto fosse outro! :)

    ResponderEliminar
  3. E os frasquinhos de alcool gel que ainda me sobraram e que deixei de usar sempre na mala de mão também serão eficazes contra a bactéria...?

    ResponderEliminar
  4. Pois é...eu não tomei a vacina da Gripe A e não morri :o)

    ResponderEliminar