quarta-feira, 28 de outubro de 2009

Fraquezas de velhos



Ai os velhinhos, tão engraçados,
tecem a avareza mui descuidados.
Se as minhas contas baterem certo,este post será publicado no Dia do Idoso. Todos conhecem o respeito que tenho pelos idosos mas este ano, para variar, resolvi aproveitar este dia para recordar uma outra faceta de muitos velhos que me irrita solenemente.
São sobejamente conhecidos os casos de vigaristas que exploram a credulidade dos velhotes. Usando o estafado conto do vigário, conseguem extorquir-lhes dinheiro recorrendo a variados estratagemas. Todos temos muita pena destes “velhinhos” que, esquecidos e isolados no interior, estão sujeitos à estratégia dos oportunistas. Talvez poucos, porém, se dêem conta que na base destes contos do vigário estão muitas promessas de enriquecimento fácil que os velhotes aceitam na mira de engordar a sua conta bancária. E quando assim é....para bom entendedor, meia palavra basta.

Pronúncia do Norte(20)

CHUÇO=

= Guarda-Chuva

A idade não perdoa

Venho aqui hoje só para dizer MUITO OBRIGADO a todos os que me enviaram os parabéns. Espero que os amigos e amigas a quem ofereci ontem o selinho "Just Perfect", compreendam que a idade não perdoa e por isso esqueci-me de colocar a imagem do prémio. Reparado o erro, podem colocá-lo nos vossos blogs.
Daqui a umas horas, alguns (espero...) vão aprender uma nova palavra da Pronúncia do Norte. Não sei se, por efeitos da globalização, a palavra já será conhecida na Mouraria mas, seja como for, espero que nunca se esqueçam desse objecto em dias de chuva. Até já!