terça-feira, 17 de novembro de 2009

Dia Internacional da Tolerância


Ontem foi Dia Internacional da Tolerância e a ematejoca lançou-me um desafio a que não pude responder prontamente,mas ao qual respondo agora com gosto. Mandam as regras que responda SINCERAMENTE a três questões:

1- O que significa ser TOLERANTE?

R: Significa respeitar os outros e admitir que a sua forma de pensar ou agir, embora possa ferir os nossos valores, não é obrigatoriamente errada. Significa dialogar com o outro e aceitar o relativismo cultural.

2-Em que tipo de situações tenho dificuldade em praticar a TOLERÂNCIA?

Quando vejo aqueles que fomentam a guerra para impôr os seus princípios, os seus valores e as suas ideias, praticarem a mesma violência que criticam à outra parte.

Quando vejo aqueles que dizem pretender a democracia, agir de forma anti-democrática, impondo sanções económicas a um país, sujeitando um povo ao sofrimento , só porque se recusa aceitar as regras que lhes querem ser impostas -e das quais discordam.

Quando vejo aqueles que clamam tolerância, incapazes de ser tolerantes.

3- TOLERÂNCIA será abrir mão das próprias convicções?

De modo nenhum. Não precisamos de nos negar a nós próprios, para aceitar a forma de pensar e agir dos outros. O mundo não é preto e branco. Tem cores que servem para lhe dar mais harmonia.

Deverei passar este desafio a seis amigos virtuais. Dado o adiantado da hora, deixo isso para mais tarde e sugiro a todos os leitores do CR que o aceitem, porque vale a pena cada um de nós reflectir um pouco sobre este tema.

9 comentários:

  1. É por não abrir mão delas que faço um relato da intolerância lá no meu canto.

    Talvez se a mostrarmos tão nua tão crua sejamos mais tolerantes.

    ResponderEliminar
  2. Aceito o repto, Carlos... e irei responder mais logo, no A Nossa Candeia. Obrigado :)
    Um abraço.

    ResponderEliminar
  3. Bom dia!
    Tentei encontrar um ponto de desacordo, mas não consegui. O objectivo não era procurar estar em desacordo. Era, tão somente, analisar divergências na tolerância de cada um.
    Parabéns pelas respostas dadas.
    Maria Letra

    ResponderEliminar
  4. Assino na íntegra a tua posição sobre a tolerância.
    Quem dera qua alguns mais pensassem assim, e o mundo já seria um pouco melhor.
    Abraço

    ResponderEliminar
  5. Como sou leitora deste cantinho...também vou aceitar!
    Vou pensar no assunto não em termos políticos porque de politica todos sabem mais do que eu...mas em termos gerais.
    Vamos lá ver o que vai dar!
    xx

    Seria impossível não concordar com o que foi escrito pelo Carlos.
    xx

    ResponderEliminar
  6. Ser tolerante é ter peito aberto para uma boa conversa. E é tão bom conversar num banco corrido de madeira com um jarrinho de tinto, pão e azeitonas...isso é que é tolerência!

    ResponderEliminar
  7. A tolerância começa com o respeito. Algumas vezes o sangue me ferve, me cega e eu poderia ter uma atitude intolerante, mas aí me lembro da educação que recebi, respeitando o direito do outro em primeiro lugar.Mais uma vez acabo procurando o camimho do meio, depois de um pequeno desvio impulsivo.Mas ser tolerante não significa calar-se. A forma mais efetiva de combater a intolerància é com muita tolerância, insistência e determinação.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Tolerância é para mim RESPEITO para com TODAS as pessoas, mesmo que não esteja de acordo com elas.

      Eliminar
  8. É hoje, Carlos, é hoje, daqui a pouco!, que vou dar cumprimento ao repto... tantos afazeres levam a estes desfazamentos!... ah! ... e adorei as suas 5 Revelações!
    Abraço :)
    Ana Paula

    ResponderEliminar